Mais de dois meses após o seu encerramento, decretado no âmbito das medidas de contenção da pandemia por Covid-19, os diferentes espaços culturais da Universidade do Porto preparam-se para reabrir as suas portas já no início de junho. E com muitas surpresas à mistura…

 Logo no dia 1 de junho, segunda-feira, o Jardim Botânico do Porto – Museu de História Natural e da Ciência da U.Porto (MHNC-UP) abrirá ao público, em horário normal, das 09h00 às 19h00. À tarde (15h00) será a vez do Planetário do Porto  – Centro Ciência Viva (ver horários).

E porque a reabertura coincide com o Dia Mundial da Criança, ambos os espaços prepararam uma programação especial dedicada às famílias e, em particular, aos mais novos.

No caso do Jardim Botânico do Porto, a proposta inclui um ciclo de visitas que, ao longo de todo o dia (10h00 às 18h00), vai levar “miúdos e graúdos” a explorar o “pulmão verde” da U.Porto, enquanto se divertem a superar vários desafios.

Cada visita, com a duração média de 60 minutos, será seguida de um intervalo mínimo de 30 minutos para evitar aglomeração de visitantes. Adicionalmente, todas as medidas de higiene e segurança serão garantidas. Mais informações e inscrições (gratuitas) através do e-mail s.educativo@mhnc.up.pt.

já o Planetário do Porto – Centro Ciência Viva reabre as suas portas ao público com uma tarde dedicada às famílias. O programa inclui uma oficina de construção e lançamento de foguetões de ar, marcada para as 15h00; e uma sessão imersiva de planetário O  Despertar da Era Espacial“, às 16h00.

Este evento é gratuito, mas requer inscrição obrigatória, devido à lotação reduzida da cúpula, que garante o distanciamento social adequado.

Pela segurança de todos

A segurança dos visitantes é, de resto, a grande prioridade da Universidade para esta “retoma” dos seus espaços culturais. Assim, e para que todos se sintam em segurança, tanto o MHNC-UP como o Planetário do Porto implementaram um conjunto de normas de acesso e de utilização especiais, em conformidade com as normas de segurança estabelecidas pela Direção Geral de Saúde (DGS).

As mesmas regras serão igualmente estendidas à Galeria da Biodiversidade – Centro Ciência Viva e ao Polo Central do MHNC-UP (Reitoria), cujas portas abrirão a 2 de junho, e já em horário normal (das 10h00 às 18h00, com último acesso às 17h30).

Neste dia de (re)abertura, a entrada em ambos os espaços será totalmente gratuita, mediante inscrição prévia, através do e-mail info@mhnc.up.pt. Até lá, é ainda possível apreciar o “tesouro” inédito  que o MHNC-UP preparou, como forma de assinalar a data.

“Um Século e Tanto: 130 anos da National Geographic” é uma das duas exposições que vão reabrir ao público no Polo Central do MHNC-UP. (Foto: Egidio Santos/U.Porto)