FPCEUP veste-se de roxo e lilás contra a discriminação LGBTI

Iniciativa pretende alertar simbolicamente para a discriminação que atinge a comunidade LGBTI. (Foto: DR)

Celebra-se no próximo dia 17 de maio o Dia Internacional da Luta Contra a Homofobia, Bifobia e Transfobia (IDAHOT) e, para assinalar a data, o Núcleo LGBTIS – composto maioritariamente por estudantes – da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto (FPCEUP), em parceria com a Aliança da Diversidade da ILGA-Portugal, lança um desafio a toda a comunidade da faculdade.

A partir das 13h00, os membros da FPCEUP estão convidados a juntar-se na entrada da faculdade para uma foto coletiva, devidamente «equipados» com uma peça de roupa roxa/lilás. Pretende-se desta forma alertar simbolicamente para o preconceito e a discriminação que a comunidade LGBTI ainda tem que enfrentar na atualidade.

O Centro Gis – Centro de Respostas às Populações LGBTI juntar-se-á- ao evento com a sua unidade móvel de saúde, para uma ação de sensibilização que inclui a distribuição de material informativo e contracetivo.

No IDAHOT celebram-se também os avanços em termos de igualdade que vão sendo, progressivamente, conquistados. A data não foi escolhida ao acaso: foi a 17 de maio de 1990 que a Organização Mundial de Saúde deixou de considerar a homossexualidade como uma perturbação mental.

Sobre a Aliança Da Diversidade

A Aliança Da Diversidade é uma ideia original da Associação ILGA Portugal, inspirada no conceito das ‘gay-straight alliances’. Tem como mote a participação ativa de jovens na melhoria do ambiente escolar para as pessoas LGBTI, através de ações de sensibilização e de visibilidade positiva, como forma, por um lado, de contrariar o isolamento que muitas vezes existe, e prevenir a homofobia, a bifobia e a transfobia dentro da comunidade académica.