FPCEUP discute o papel da escola na cidadania

Investigadores, profissionais, gestores e líderes associativos vão discutir a cidadania na FPCEUP

“Educação para a Cidadania Participatória em Sociedades em Transição” é o tema e o título do seminário internacional que tem lugar na Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto nos dias 12 e 13 de outubro de 2012. A iniciativa tem como conferencista convidados  Xavier Bonal (Universidade Autónoma de Barcelona, Espanha)  e Reinhold Hedtke (Universidade de Bielefeld, Alemanha).

De acordo com a nota de apresentação da iniciativa, ao longo das últimas décadas “a educação para a cidadania teve lugar de destaque nas políticas educativas nacionais e europeias e na investigação nas ciências sociais e da educação”.  Este relevo motivou políticos e académicos a afirmar “a relevância do papel da escola na promoção de uma cidadania ativa, reflexiva e crítica junto das crianças e jovens, vistos como cidadãos-em- formação que não dispõem dos conhecimentos, capacidades e disposições para se envolverem na vida democrática”.

Segundo os promotores do seminário, “esta retórica raramente foi acompanhada de uma efetiva priorização da educação para a cidadania nas escolas”, especialmente no que se refere a Portugal, onde é “simultaneamente a principal vítima e o suspeito do costume quando é necessário buscar encontrar mecanismos de ‘legitimação compensatória’”.  Mesmo assim, consideram os organizadores, “a vida das escolas e a vida das crianças e dos jovens fora das escolas é fonte inesgotável de aprendizagens quotidianas da democracia.”

O Seminário Internacional  “Educação para a Cidadania Participatória em Sociedades em Transição” vai aprofundar estas questões – que os organizadores consideram “especialmente relevante num país em que é relativamente recente a transição para a democracia” – a partir da apresentação pública dos resultados do projeto de investigação EduCiParT.