TUP celebra 70 anos dedicados às artes cénicas

Estudantes da U.Porto durante uma digressão do TUP no início dos anos 60 do séc. XX. (Foto: DR)

O mais antigo grupo de teatro do Porto faz 70 anos e está a celebrá-lo com a apresentação de um novo espetáculo. Ou melhor dizendo, d“O Espetáculo”, uma criação de Tiago Jácome, que vai subir ao “palco” da Reitoria da Universidade do Porto, nos próximos dias 19 e 20 de dezembro.

Propondo uma viagem pelos interstícios da criação artística e da própria identidade – individual e coletiva – do Teatro Universitário do Porto (TUP), a peça foca-se no presente do grupo, com as pessoas que estão envolvidas, desde os atores às pessoas que são externas.

A inspiração para a peça de Tiago Jácome vem de leituras ligadas à Internacional Situacionista, movimento cultural e político de finais dos anos 60. O resultado é um espetáculo que não se queria apresentado de forma convencional, mas sim com um caráter de “ocupação” e de “instalação”.

“O Espetáculo” é apresentado na Reitoria da U.Porto, nos dias 19 e 20 de dezembro, às 22h00. (Foto: TUP)

As duas apresentações d”O Espetáculo” têm início às às 22h00, na Sala da Biblioteca do Fundo Antigo. A entrada é livre.

Antes, a “casa mãe” da U.Porto recebe já este sábado, dia 15 de dezembro, às 21h00, uma sessão solene comemorativa do 70.º aniversário do TUP. Além da exposição de cartazes e da projeção de vídeos, a sessão contará com um conjunto de convidados para  para recordar a vida do primeiro grupo de teatro da Invicta.

Fundado em 1948, o TUP foi formado inicialmente pelas mãos de um grupo de estudantes de Medicina, sob orientação do professor Hernâni Monteiro. Até aos dias de hoje, manteve sempre a sua atividade enquanto associação juvenil sem fins lucrativos. A história recente do TUP tem sido marcada pela apresentação de espetáculos originais, que mereceram a distinção em festivais nacionais e internacionais de teatro universitário, como o FATAL, em Lisboa, e o MITEU, em Ourense.