Eleições para o Conselho Geral são as mais concorridas de sempre

Eleições do Conselho Geral de 1 de junho de 2017 serão as mais concorridas de sempre.

Pela primeira vez, um total de nove listas de candidatos vão apresentar-se às eleições para o Conselho Geral da Universidade do Porto, tornando este ato eleitoral no mais concorrido da história da instituição.

É no dia 1 de junho de 2017 que a comunidade académica da Universidade do Porto será chamada a eleger os 12 representantes dos docentes e investigadores e o representante dos não docentes e não investigadores que farão parte do Conselho Geral durante o próximo mandato de quatro anos.

Tendo o prazo para entrega de listas concorrentes terminado no final do dia 28 de abril de 2017, está agora confirmado que esta será a eleição com o maior número de candidatos de sempre. Num sinal claro de vitalidade interna da Universidade, foram apresentadas seis listas para a eleição dos representantes dos docentes e investigadores e outras três para a eleição do representante dos não docentes e não investigadores.

A identificação completa de cada uma das listas e dos seus programas de ação ficará disponível na página do SIGARRA da U.Porto dedicada a estas eleições assim que a validade de cada candidatura for oficialmente verificada pela respetiva Comissão Eleitoral.

Recorde-se que o Conselho Geral é um dos principais órgãos de governo da Universidade, tendo entre as suas competências a eleição do Reitor e, sob proposta deste, aprovar as linhas gerais de orientação da instituição no plano científico, pedagógico, financeiro e patrimonial.

Na Universidade do Porto, o Conselho Geral é constituído por 23 membros assim distribuídos: 12 representantes dos docentes e investigadores, quatro representantes dos estudantes e um representante dos não docentes e não investigadores, aos quais se juntam seis personalidades externas à Universidade, cooptadas pelos membros eleitos.