Alumna FEUP premiada pela Associação Portuguesa de Reconhecimento de Padrões

(foto: diário digital)

O reconhecimento valeu a Maria Inês um prémio monetário de 150 euros (Foto: Diário Digital)

Maria Inês Vigário Rodrigues, Mestre em Bioengenharia pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP)/Instituto de Ciências Biomédicas de Abel Salazar (ICBAS), foi distinguida pela Associação Portuguesa de Reconhecimento de Padrões (APRP) com o prémio de ‘Melhor Tese de Mestrado 2014’.

“Analysis of Expressiveness of Portuguese Sign Language Speakers” é o título do trabalho distinguido, trabalho esse orientado por Luís Teixeira, docente auxiliar da FEUP e Eduardo Marques, investigador no INESC TEC, e que aborda a temática da linguagem gestual, suas particularidades e diferenciais de expressividade através da análise de vídeo. O prémio foi atribuído na sessão de encerramento do RecPad 2014, valendo à alumna um certificado, oferta da Inscrição no RecPad 2015 e ainda um prémio monetário de 150 euros.

Um dos objetivos da Associação Portuguesa de Reconhecimento de Padrões (APRP) passa por promover avanços, na teoria e nas aplicações práticas, da disciplina científica do reconhecimento de padrões. De acordo com esta postura, a APRP institui os Prémios APRP Melhor Tese de Mestrado e Melhor Tese de Doutoramento, com a finalidade de distinguir trabalhos de mérito elevado na área de Reconhecimento de Padrões, estimulando jovens investigadores portugueses a divulgarem os seus trabalhos.