Saúde mental dos estudantes universitários em debate na FLUP

É o primeiro debate organizado pela AEFLUP sobre o tema da saúde mental. (Foto: DR)

A Associação de Estudantes da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (AEFLUP) vai promover um debate sobre a saúde mental no meio académico. A tertúlia ocorre no dia 21 de maio, pelas 15h30,  etraz ao Anfiteatro Nobre da FLUP especialistas e testemunhos reais.

A conversa vai contar com a presença de Ana Reis, psicóloga, e Alice Ribeiro, do Gabinete de Apoio ao Estudante com Necessidades Educativas Especiais, além das estudantes Magda Leite e Carolina Rodrigues. O objetivo é encontrar soluções para os principais problemas do estudante dito “neuro-atípico”.

O Ensino Superior ainda sofre de um estigma em relação às dificuldades que um estudante com necessidades educativas especiais sofre, quer em contexto de aula, quer em contextos sociais. “Efetivamente, desenha-se erradamente uma linha grossa entre as chamadas “doenças visíveis” e “doenças invisíveis””, explica a AEFLUP. Nos casos extremos, as patologias do foro psicológico podem causar a morte do doente.

A entrada é livre.

Mais informações aqui.