Estudantes da U.Porto promovem a transformação digital das empresas

Os trabalhos apresentados foram desenvolvidos ao longo de um semestre e por uma equipa multidisciplinar (Foto: FEUP)

São aplicações e produtos reais para o mercado. Assim se podem definir os 20 projetos desenvolvidos ao longo do último semestre por mais de 250 estudantes das faculdades de Engenharia (FEUP) e de Belas Artes (FBAUP) da Universidade do Porto, no âmbito de mais uma edição da unidade curricular de Laboratório de Gestão de Projetos (LGP), lecionada na FEUP.

O desafio foi lançado no início do semestre a estudantes dos cursos de Mestrado Integrado em Engenharia Informática e Computação, Mestrado em Engenharia de Software, Mestrado em Multimédia e Mestrado em Engenharia de Serviços e Gestão da FEUP, a quem se juntou ainda um grupo de alunos da Licenciatura em Design de Comunicação da FBAUP. E consistia em organizarem-se em equipas de projetos para, em colaboração com empresas e organizações externas à esfera universitária, criarem soluções tecnológicas inovadoras com elevado potencial de promover a transformação digital nessas mesmas instituições.

Durante um semestre, os estudantes tiveram assim a oportunidade única de viver o ambiente de uma empresa de base tecnológica. Foi dessa ligação que nasceu, por exemplo, uma aplicação que auxilia na prevenção da obesidade infantil através da utilização de jogos sérios. Mas há mais: uma plataforma que promove a ‘gamificação’ do turismo, uma aplicação que liga consumidores e produtores de agricultura biológica, uma plataforma que possibilita a monitorização remota da reabilitação multimodal de doentes oncológicos e ainda uma plataforma que promove a segurança nas florestas do concelho de Tondela.

Ao todo, os projetos envolveram 145 estudantes do Mestrado Integrado em Engenharia Informática e Computação (MIEIC), 49 do Mestrado em Multimédia (MM), 34 do Mestrado em Engenharia de Serviços e Gestão (MESG) e 20 do Mestrado em Engenharia de Software (MESW) da FEUP. Aos cinco estudantes da Licenciatura em Design de Comunicação (LDC) da FBAUP coube a responsabilidade de desenvolver toda a parte ligada ao design e grafismo de cada um dos produtos.

Triptogo, Bitmaker, Gallicyadas, Centro Hospitalar S. João, Glintt, Critical Manufacturing, Talkdesk, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação U.Porto, COMPARTY, ITSector, FEUP, Câmara Municipal de Tondela, Microsoft, iTGROW, Peugeot Citroën Mangualde, INOVA, Instituto de Inovação Sistémica, Deloitte e ARMIS foram os parceiros da edição deste ano.

Raul Vidal, Professor Emérito de Universidade do Porto e coordenador Emérito de LGP, destaca o carácter inovador e a importância desta unidade curricular na formação académica destes estudantes: “LGP funciona como um ´living lab´, onde os estudantes interagem com empresas clientes, aplicam e desenvolvem as suas competências num ambiente real, desenvolvendo competências fulcrais de trabalho em equipa, empreendedorismo, comunicação e relacionamento com clientes”.

Os projetos vão ser oficialmente apresentados no dia 8 de junho, às 14h00, no Auditório da FEUP, estando assegurada a presença de todas as empresas envolvidas na edição deste ano e de outras personalidades de relevo no panorama da Região do Norte.