Eduardo Oliveira Fernandes dá a Última Aula na FEUP

Percurso de Oliveira Fernandes está ligado ao ensino e à investigação, mas também às funções governamentais que assumiu durante mais de 40 anos de carreira.

Eduardo de Oliveira Fernandes, professor catedrático do Departamento de Engenharia Mecânica da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), profere esta segunda-feira, dia 25 de novembro, a sua lição de despedida enquanto docente da FEUP. Com um percurso ligado ao ensino, investigação e posições governamentais, Oliveira Fernandes foi o fundador do Gabinete de Fluidos e Calor (GFC) e Coordenação do Grupo de Térmica Aplicada do Departamento de Engenharia Mecânica.

Com início marcado para as 13h30h, no Auditório da FEUP a sessão antecede a cerimónia de Jubilação de Oliveira Fernandes (15h00) e é o culminar de 45 anos de dedicação ao ensino e à investigação. Será a oportunidade para recordar um percurso que, paralelamente à vida académica, deixou uma importante marca nas políticas governamentais portuguesas, ligadas ao ambiente e energia.

A última lição do professor Eduardo de Oliveira Fernandes intitula-se “A Energia do Ser”, tema que esteve presente ao longo de toda a sua carreira académica, e no vasto espectro das suas intervenções institucionais e na vertente das política públicas relativas ao Ambiente e à Energia.

Licenciado em Engenharia Mecânica pela Universidade do Porto em 1967 e doutorado em 1973 pela EPF Lausanne, na Suíça, Oliveira Fernandes iniciou o seu percurso profissional em 1968 na Universidade de Lourenço Marques (Maputo) como professor assistente. Regressou a Portugal em 1974 e passa a lecionar em duas Faculdades em simultâneo: na Universidade de Aveiro como Professor Convidado até 1980; e na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, como Professor Auxiliar, até 1979.  Nesse mesmo ano  obteve o certificado de “Research-Associate”, pela Iowa State University , nos EUA, e desde então que leciona na FEUP como professor catedrático.

A carreira do agora professor jubilado fica ainda marcada pelo desempenho de diversos cargos académicos, nomeadamente a fundação do Gabinete de Fluidos e Calor (GFC) e Coordenação do Grupo de Térmica Aplicada do Departamento de Engenharia Mecânica, em 1975 e a vice-reitoria da U.Porto entre 1986-1991. Oliveira Fernandes foi também bastante ativo em termos governamentais. Com cargos que passaram pela Secretaria de Estado do Ambiente em 1984, Secretaria de Estado Adjunto do Ministro da Economia em 2001, desempenhou diversos trabalhos de consultoria à Secretaria de estado no âmbito do ambiente e ao Minstério da Economia das políticas de energia e à DG Research da Comissão Europeia para os temas da energia nos edifícios.

Eduardo de Oliveira Fernandes é autor e editor de vários livros e autor de mais de uma centena de artigos científicos. Foi Presidente da ISES (Intenational Solar Energy Society) , associação mundial para a promoção da energias renováveis e solar, em particular e vice-Presidente da PLEA (Passive and Low Energy Architectura) tendo sido membro de comités científicos, consultivos, técnicos e organizadores de encontros um pouco por todo o Mundo e apresentado centenas de palestras.

Mais informações aqui.

  • Antonio Boucinha

    Professor Oliveira Fernandes,
    Parabéns pela sua jubilação e pelos 45 anos dedicados à engenharia.
    Obrigado professor.
    António Boucinha
    (Colheita 75)