BIN@Porto2015: O Porto no mapa internacional da inovação

imagem inovaçãoSão três dias para debater o tema da inovação, sob diversas perspetivas. Assim se apresenta o BIN@Porto2015, evento que, de 2 a 4 de novembro, vai juntar na Faculdade de Engenharia da U.Porto (FEUP) e no Parque de Ciência e Tecnologia da U.Porto (UPTEC) mais de 500 investigadores, parceiros industriais e pessoas ligadas ao investimento tecnológico num programa que pretende mostrar a cidade do Porto como um parceiro de referência no mapa internacional da inovação.

Tecnologias da saúde, energias renováveis, cidades inteligentes, tecnologias de construção, inovação automóvel, indústria da ferrovia, design de inovação e serviços, logística e mobilidade, manufatura avançada, novos materiais, e oceanos. São estas as temáticas que vão juntar à mesma “mesa” investigadores, industriais, investidores e jovens empreendedores, à procura de oportunidades para encontrarem parceiros internacionais, discutirem novos projetos e negócios, e prepararem propostas de candidaturas a financiamento.

A edição deste ano tem como mote a ética e a responsabilidade na investigação e no processo de inovação e é organizado pela FEUP, em estreita colaboração com o UPTEC. O programa inclui um conjunto de sessões abertasações temáticas, workshops, uma mostra de tecnologias e outros eventos complementares, em acesso livre e gratuito. Destaque ainda para a realização de um desafio na área do design inclusivo, que conta com o apoio da Provedoria do Deficiente da Câmara Municipal do Porto e para a inauguração da exposição sobre o projeto académico RITA.RED.SHOES que vai apresentar protótipos de sapatos para pessoas com paralisia cerebral e que foi desenvolvido por estudantes do Mestrado em Design Industrial e de Produto da FEUP/FBAUP.

Estão confirmadas presenças de investigadores, industriais e políticos com responsabilidade em muitas destas áreas que vão ser alvo de ações temáticas no âmbito do BIN@Porto. Será uma oportunidade para debater o ecossistema da inovação do Polo Universitário da Asprela, que representa uma concentração invulgar de recursos e competências, mesmo a nível europeu. Ali, trabalham ou estudam, em cerca de 100ha, mais de 50.000 pessoas, distribuídas pelas áreas de Engenharias e Tecnologias, Saúde e Bem-estar, e Economia e Ciências Sociais, numa abordagem crescentemente multidisciplinar. Dois hospitais de referência na região Norte, doze instituições públicas e três privadas do sistema Universitário e Politécnico, quatro institutos de interface, e o polo tecnológico do UPTEC, que acolhe uma centena de empresas em incubação e centros de inovação de várias empresas internacionais, contribuem para a geração e atração de talento e colocam o Porto como parceiro de referência no mapa internacional da inovação.

O que é o BIN?

A BIN@TM – Business and Innovation Network – é uma rede internacional para a partilha de boas práticas e oportunidades em inovação. Fundada em 2010 e assente num memorando de entendimento entre as Universidades do Porto, Sheffield e São Paulo, cujos princípios são também subscritos por outros parceiros académicos, industriais, ou de desenvolvimento económico e investimento tecnológico. A rede tem por pressupostos a criação de relações de confiança e o acesso livre à participação.

Ao promover a cooperação na investigação aplicada, a inovação aberta e a internacionalização das empresas de base tecnológica, a rede BIN@ assume um papel facilitador na ligação entre os ecossistemas de inovação dos seus membros. As atividades da rede focam-se portanto na identificação de oportunidades de inovação, na organização de missões científicas e tecnológicas e na criação de condições para a internacionalização das startups empresariais nascidas no ambiente académico.

Mais informações: businessandinnovation.net