Startup do UPTEC vai iluminar Amesterdão

No Natal de 2003, oos LIKEarchitects iluminaram os Jardins do Palácio de Belém com a instalação Constell.ation.

Os LIKEarchitects, startup incubada no Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC), viram  um projeto da sua autoria ser selecionado para participar na edição deste ano do Amsterdam Light Festival, que se realiza entre 27 de novembro 2014 e 18 de janeiro de 2015, na Holanda.

Os LIKEarchitects vão, assim, dar luz a um jardim da capital holandesa, depois de terem iluminado a Praça D.Pedro IV (Rossio), em Lisboa, com Frozen Trees, no Natal de 2011, e os Jardins do Palácio de Belém com a instalação Constell.ation, no Natal de 2013. A proposta da startup portuense foi escolhida entre mais de 260 obras, oriundas de 32 países.

O projeto dos jovens portugueses convenceu o reputado júri internacional, composto por Rogier van der Heide (Director Artístico do Amsterdam Light Festival e Chief Designer na Philips Lighting), Sarah Douglas (Diretora Criativa da Wallpaper * magazine), Jennifer Keesmaat (Directora de Urbanismo da cidade de Toronto), Marloes Krijnen (Directora da Foam | Photography Museum Amsterdam) e Cyril Zammit (Director da Design Days Dubai).

O júri do concurso, com o tema ‘A Bright City’, analisou as 75 propostas finalistas e seleccionou 33 obras de arte de luz para os dois circuitos escolhidos pelo Festival: Water Colors, a rota de barco, e Illuminade, o percurso a pé.

Os jovens arquitetos, que este ano fazem parte da representação portuguesa para a Bienal de Veneza de Arquitetura, vêem assim o seu trabalho reconhecido internacionalmente, depois de também confirmada a encomenda de uma peça de artística por um Design Hotel em Miami, nos Estados Unidos.

Diogo Aguiar, João Jesus e Teresa Otto licenciaram-se, em 2008, na Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto (FAUP). Em 2010, criaram os LIKEarchitects, depois de experiências profissionais em ateliers de referência internacional (UnStudio, OMA e RCR Arquitectes, respetivamente).