Os Ritmos da Ciência na edição 2013 do simpósio GABBA

O simpósio abordará sete temas mediáticos, proferidos em inglês por investigadores nacionais e internacionais de elevada qualidade científica

SCIENCE HEARTBEAT é o título do simpósio científico internacional de 2013, organizado por estudantes de doutoramento no âmbito do Programa Graduado em Áreas da Biologia Básica e Aplicada (GABBA), da Universidade do Porto.

O simpósio abordará sete temas mediáticos, proferidos em inglês por investigadores nacionais e internacionais de elevada qualidade científica, como Cancro (Raghu Kalluri, University of Texas MD Anderson Cancer Center, EUA) e Neurociências (Melissa Cochrane, Blue Brain Project and Human Brain Project EPFL, Suíça), num contexto retrospectivo da ciência moderna na sociedade, realçando os momentos-chave e tendência das ciência biológicas ao longo do tempo e o seu impacto.

A proposta é despertar a consciência no maior número de interessados quer do âmbito científico-académico quer no público em geral. Desta forma, pretende-se trazer à cidade invicta cientistas de renome nacional e internacional com uma visão mais global da evolução da ciência na sociedade, num ambiente descontraído mas ávido por informação. E este ano outra novidade é o incentivo à língua estrangeira mais usada e fundamental no seio da comunidade científica com a oferta de um curso de inglês de 12 meses concedido pelo Wall Street Institute a um dos participantes.

O conceito do Simpósio surgiu após uma animada troca de opiniões entre os 12 estudantes que, apesar de gostarem de ciência, encaram-na de formas diferentes. Acordaram que a melhor forma de transmitir ao público os interesses que os movem seria através de alguns heartbeats da ciência numa abordagem mais simples, mais cativante, mas igualmente científica.

A participação é livre e aberta a todo o público, mas requer inscrição prévia obrigatória no site do evento, até 10 de julho.

Sobre o Programa GABBA

O GABBA, Programa Graduado em Áreas da Biologia Básica e Aplicada, é pioneiro na formação avançada de um grupo de mentes jovens e criativas e teve já quinze edições bem sucedidas.  Reúne as competências científicas da Faculdade de Ciências (FCUP), Medicina (FMUP), Instituto de Ciências Biomédicas de Abel Salazar (ICBAS) e dos laboratórios associados Instituto de Biologia Molecular e Celular (IBMC), Instituto de Engenharia Biomédica (INEB) e Instituto de Patologia e Imunologia Molecular (IPATIMUP) da Universidade do Porto.