Investigadora da FCUP distinguida com Honoris Causa na Suécia

Docente e investigadora em Química da FCUP

Maria João Ramos receberá o título de Doutora Honoris Causa pela Universidade de Estocolmo.

No mesmo edifício da capital sueca onde todos os anos são reconhecidos os laureados com o Prémio Nobel, a docente e investigadora da Faculdade de Ciências da U.Porto Maria João Ramos será agraciada, no próximo mês de setembro, com o título de Doutora Honoris Causa pela Universidade de Estocolmo.

A universidade sueca acaba de anunciar a atribuição daquela que é uma das suas maiores distinções pelo relevante contributo científico de Maria João Ramos no campo da proteómica computacional, área da Bioquímica dedicada ao estudo da estrutura e comportamento das proteínas através do computador.

Responsável pelo grupo de investigação em Química Teórica e Bioquímica Computacional da FCUP, Maria João Ramos tem uma vasta reputação internacional nas áreas da catálise enzimática, mutagénese computacional, docking molecular e descoberta de drogas, sendo autora de mais de 250 artigos científicos em revistas internacionais.

A professora catedrática e diretora do programa doutoral em Química da FCUP, é licenciada em Química pela Universidade do Porto e doutorada pela Universidade de Glasgow (Escócia) e o Swiss Institute for Nuclear Research. Na Universidade de Oxford (Inglaterra) realizou um pós-doutoramento em Modelação Molecular e foi durante muitos anos diretora associada do National Foundation for Cancer Research Centre for Computational Drug Discovery da Universidade de Oxford.

Maria João Ramos é ainda membro do comité internacional de coordenação do mestrado e do doutoramento europeus em Química Teórica e Modelação Computacional, integrado no programa Erasmus Mundus, do qual faz parte a própria Universidade de Estocolmo.

A cerimónia de atribuição do Doutoramento Honoris Causa realizar-se-á no dia 26 de setembro de 2014, na sede da câmara municipal de Estocolmo.

  • Manuel Pereira Dos Santos

    Parabéns, Maria João. É sempre com orgulho que assisto ao reconhecimento do mérito e do trabalho de uma antiga colega de há 40 anos! Um abraço amigo
    Manuel Pereira dos Santos

  • Carlos Corrêa

    Muitos parabéns por esta distinção, muito pouco vulgar nos nossos meios académicos, que mostra ao público a grande qualidade dos seus trabalhos de investigação.
    Um grande abraço do
    Carlos Corrêa

  • Corália Vicente

    Parabens Maria João!