FADEUP quer melhorar as condições de treino dos atletas mais jovens

Projeto Aristo

Os participantes na conferência final do Projeto Aristo

A Faculdade de Desporto da Universidade do Porto (FADEUP) foi uma das onze instituições de seis países distintos (Espanha, Portugal, República Checa, Letónia, Itália, Bulgaria, Lituania) que participaram no projeto Aristo – A European Monitoring Protocol of Young Athlete’s health and training conditions (9-15 years), cofinanciado pela União Europeia.

Os investigadores da FADEUP Luísa Estriga, Leandro Massada e António Tulha Ferreira participam neste projeto que tem por principal objetivo contribuir para a melhoria das condições de treino e de competição de jovens atletas Europeus, através da criação de protocolo de monitorização específico para o efeito (consistindo em vários testes de natureza médica e funcional) que auxilie no controlo estado de saúde, condição física e prevenção de potenciais problemas de saúde em jovens atletas praticantes de diferentes desportos.

A criação de uma plataforma web é uma das partes essenciais do projeto, uma vez que permitirá a constituição de uma base de dados à escala europeia, possibilitando a monitorização e comparação de resultados (saúde, físicos e técnicos) de diferentes países e por modalidades.

Na conferência final do projeto, que decorreu nos dias 10, 11 e 12 de junho, em Sevilha (Espanha), foram apresentados os resultados finais do projeto e discutidas eventuais alterações ao protocolo desenvolvido, com especial ênfase nos testes funcionais específicos de cada uma das modalidades.

Foram também discutidas medidas a implementar com vista à continuidade do trabalho ao longo de vários anos, permitindo estudar o fenómeno da prática desportiva por jovens e a deteção de talentos, numa perspetiva de longo prazo.

Mais informações acerca do projeto em www.aristoproject.eu.