Está de volta a Mostra da Universidade do Porto

Na Mostra da U.Porto, os alunos pré-universitários podem contactar diretamente com estudantes e professores para tirar dúvidas sobre o Ensino Superior e os seus cursos preferidos. (Foto: Egidio Santos/U.Porto)

A Mostra da Universidade do Porto 2018 abre portas ao público já na próxima quinta-feira. De 12 a 15 de abril, as faculdades e os centros de investigação da U.Porto reúnem-se num único local para mostrarem a miúdos e graúdos o que melhor se faz nas diferentes unidades de ensino e investigação científica da Universidade do Porto.

Este ano o local da reunião é o complexo do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar / Faculdade de Farmácia da U.Porto (ICBAS/FFUP), mesmo ao lado do Palácio de Cristal, onde habitualmente se realiza a Mostra da U.Porto. A entrar na sua 16.ª edição, o certame inaugura um novo espaço devido às obras de reabilitação do Pavilhão Rosa Mota.

Apesar da mudança de local, o conceito mantém-se inalterado: cerca de 300 docentes, técnicos e estudantes da U.Porto estarão disponíveis no mesmo espaço para dar a conhecer a oferta formativa da Universidade e demonstrar o lado mais divertido do conhecimento científico.

Através de mais de uma centena de atividades interativas de experimentação e demonstração científica, o público é convidado a “embarcar” numa viagem de descoberta e conhecimento das diferentes áreas de atuação e de investigação da Universidade do Porto, das Artes à Medicina. Ao longo de dois pavilhões montados propositadamente para a ocasião nos terraços do ICBAS/FFUP, será possível conhecer e participar gratuitamente nas demonstrações e experiências científicas preparadas por toda a comunidade académica da U.Porto.

Mais de uma centena de atividades interventivas são preparadas por faculdades, centros de investigação e serviços da U.Porto para despertar o interesse pelo conhecimento científico. (Foto: Egidio Santos/U.Porto)

Quem passar pela Mostra da U.Porto poderá assistir a simulações de escavação arqueológica ou demonstrações de esgrima medieval, participar em provas de degustação gastronómica e conhecer os conceitos de gastronomia molecular, realizar uma experiência de estimativa da quantidade de açúcar num refrigerante ou experimentar produzir um sabonete, fazer um exame de avaliação do Índice de Massa Corporal ou uma avaliação do monóxido de carbono presente em fumadores, ver como se produz um antibiótico ou como se transforma um normal Fiat Uno num veículo elétrico de competição, experimentar programar um robô na Arena de Robôs ou um workshop de desenho livre.

Estes são apenas alguns exemplos das mais de 100 atividades que as faculdades e centros de investigação vão colocar gratuitamente à disposição de todos os visitantes da Mostra, dos mais novos aos menos novos, num evento que se quer aberto a toda a família.

A Mostra é um espaço de descoberta e experimentação, aberto ao público de todas as idades e vocações. (Foto: Egidio Santos/U.Porto)

No entanto, é sabido que o público principal deste evento são os alunos do ensino básico e secundário que, em visitas escolares ou de forma individual, dirigem-se à Mostra da U.Porto para encontrar informação sobre os planos de estudo, os requisitos de acesso e as saídas profissionais dos 52 cursos de licenciatura e mestrado integrado da Universidade Porto.

Ao ter contato direto com estudantes e professores de cada curso, o público pré-universitário pode tirar todas as dúvidas e questões em torno do ensino superior diretamente com aqueles que o frequentam. Mas com os serviços académicos e de ação social também presentes no certame, os visitantes da Mostra podem ainda receber informações sobre apoios sociais, empregabilidade e programas de mobilidade internacional existentes na U.Porto, assim como participar em sessões de esclarecimento sobre o acesso ao Ensino Superior e obter apoio em matéria de orientação vocacional.

Como sempre, a Mostra da Universidade do Porto é o evento certo para, num único local, encontrar informação e experiências sobre todos os cursos e todas as áreas do conhecimento. As portas estão abertas a todo o público de 12 a 15 de abril, das 10 às 19 horas, durante quinta e sexta-feira, enquanto no fim-de-semana abre às 11 horas e encerra às 20 horas (no sábado) e 19 horas (no domingo).