Startup Fest leva a festa do empreendedorismo à Baixa do Porto

festa_pgt2

A Praça Gomes Teixeira, em plena Baixa do Porto, vai servir de palco ao Startup Fest.

A Baixa vai estar em festa no sábado, 4 de junho, para celebrar os sucessos alcançados pela comunidade empreendedora da Universidade do Porto. Durante todo o dia, a Praça Gomes Teixeira vai servir de palco do primeiro Startup Fest organizado pelo CEdUP – Clube de Empreendedorismo da U.Porto.

Conferências, workshops, uma mostra de startups e muita música e animação fazem parte do programa desta festa do empreendedorismo made in U.Porto. João Koehler, Presidente da Associação Nacional de Jovens Empresários e um dos “tubarões” portugueses televisivos, Carlos Oliveira, Presidente da Invest Braga e ex-secretário de Estado do Empreendedorismo, Competitividade e Inovação, e Ana Lehmann, diretora da Invest Porto, são alguns dos investidores e empreendedores que vão marcar presença neste festival inédito.

A manhã será dedicada ao “Devel:UP”, um conjunto de iniciativas de capacitação da comunidade académica que se desenvolverá através de workshops dinâmicos. A partir das 14 horas, abre a “Startup Showcase”, uma mostra de startups em pleno coração da cidade, que surge como uma oportunidade para estas jovens empresas testarem novos produtos e conceitos e interagir com potenciais clientes.

A festa propriamente dita tem início às 16 horas, com o “Startup Showtime”, um espetáculo que tem como principal atração o que de melhor se faz em empreendedorismo na Universidade do Porto. Criadores de startups já com sucesso no mercado internacional e em início de vida dão os seus testemunhos entre empresários e responsáveis de programas de apoio ao empreendedorismo, partilhando sucessos e insucessos (temporários). Entre os casos de sucesso em destaque estarão duas empresas geradas no Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC): a Uniplaces, uma plataforma online para alojamento de estudantes universitários que já angariou cerca de 22 milhões de euros em investimento internacional – o valor mais elevado alcançado por uma empresa portuguesa –, e a Iguaneye, uma startup de um novo conceito de calçado, que já vende para todo o mundo e já faturou mais de 320 mil euros.

Será também neste espaço que serão anunciados e apresentados ao público os três principais prémios da edição deste ano do iUP25k, o concurso de ideias de negócio da Universidade do Porto.

No final, e até às 20h00, o DJ Rui Magalhães assegurará a animação da praça e da “Startup Party”, um momento de networking e cocktails que irá unir todos os que contribuíram para um ano de sucesso da comunidade empreendedora da Universidade do Porto.

O Startup Fest está aberto à participação de toda a comunidade académica. Para participar, basta registar-se gratuitamente em www.startupfest.pt.