Porto Business School sobre quatro lugares no ranking do Financial Times

Os rankings do Financial Times são analisados a partir de questionários feitos às escolas e aos antigos estudantes.

A Porto Business School acaba de ser distinguida, pelo quarto ano consecutivo, como uma das melhores escolas de formação para executivos do mundo, nos rankings globais de formação para executivos do jornal britânico Financial Times. No ranking global, que acaba de ser publicado, a escola de negócios da Universidade do Porto alcança o 63º lugar no ‘The top 80 custom programme providers’ e o 64º lugar no ‘The top 70 open enrolment programme providers’, posição que representa uma subida de quatro lugares no ranking, e a torna a escola portuguesa que mais posições subiu, nesta categoria.

A Porto Business School está presente no ranking Financial Times European Business Schools desde 2011, posicionando-se entre as melhores escolas de gestão de negócios do mundo. 2011 marcou a entrada da Porto Business School no ranking global de formação para executivos do FT, com entrada direta para o 65º lugar da tabela custom.

Em 2014, a formação aberta da Porto Business School sobe quatro lugares tornando-a a escola de negócios portuguesa que mais subiu nesta categoria, e desce na categoria custom, a nível global, mantendo, no entanto, a sua posição a nível europeu (26).

Os rankings do Financial Times são elaborados a partir de critérios como volume de faturação, o salário dos antigos estudantes três anos após o programa e a percentagem de mulheres no corpo docente e são analisados a partir de questionários feitos às escolas e aos antigos alunos.