Cooperação com Timor reforçada em encontro das universidades de língua portuguesa

timor33

Sebastião Feyo de Azevedo no final da reunião com o Reitor da Universidade Nacional de Timor Lorosa’e, Francisco Miguel Martins.

Foi com a doação de 3600 publicações e de vários equipamentos desportivos à Universidade Nacional de Timor Lorosa’e que o Reitor da Universidade do Porto, Sebastião Feyo de Azevedo, encerrou a sua participação no 26.º Encontro da Associação de Universidades de Língua Portuguesa (AULP) que decorreu em Díli, de 29 de junho a 1 de julho.

A oferta, possível graças ao espírito solidário das diferentes faculdades da Universidade do Porto e, em particular da Faculdade de Desporto, é apenas um exemplo das relações de cooperação entre as universidades do Porto e de Timor Lorosa’e que, nas palavras de Sebastião Feyo de Azevedo, “envolve naturalmente uma dimensão de solidariedade para com uma nação que está desenvolvimento e para com um povo muito fustigado pela história recente”.

timor5

O Reitor da U.Porto presidiu a uma das sessões de debate deste 26.º Encontro da AULP.

Reunindo mais de 200 líderes e docentes universitários dos vários países de língua portuguesa, o 26.º Encontro da AULP realizou-se sob o propósito da “Mobilidade académica e globalização no espaço da CPLP e Macau”. Ao Reitor da Universidade do Porto coube a presidência da sessão de debate dedicado ao “Ciências: Difusão e Desenvolvimento(s) em Língua Portuguesa” e a intervenção na sessão de encerramento do encontro.

O encontro terminou precisamente com a assinatura formal do Memorando de Entendimento entre a Universidade Nacional de Timor Lorosa’e e 29 universidades da AULP – U.Porto incluída –, um acordo que pretende promover da cooperação lusófona, difusão da língua portuguesa e mobilidade académica com a mais recente nação da CPLP.

De facto, este que foi o primeiro encontro da AULP realizado em território timorense em mais de 30 anos de atividade, foi uma oportunidade de reafirmar a língua portuguesa em Timor Lorosa’e, país que se comprometeu a impulsionar a promoção da língua portuguesa através da formação inicial e contínua de professores e ainda da expansão do ensino da língua às escolas privadas.

timor11

A vitória da seleção portuguesa contra a Polónia foi festejada em plena madrugada pelos delegados da AULP mas também pela população timorense.

E se dúvidas houvesse quanto à ligação umbilical que Timor ainda mantém com Portugal, elas ficariam totalmente dissipadas em plena madrugada do dia 1 de julho quando, aos delegados da AULP ali presentes, se juntou uma pequena multidão de timorenses com bandeiras portuguesas para, às seis da manhã (hora local), festejar nas ruas a vitória da seleção portuguesa de futebol sobre a sua congénere polaca, que ditou a passagem de Portugal às meias-finais do Euro 2016.