Universidade do Porto bate recorde de estudantes internacionais

Os estudantes internacionais correspondem já a 18% da comunidade académica da U.Porto. (Foto: U.Porto)

Conhecidos que estão os dados relativos ao 2.º semestre do ano letivo, agora é oficial: em 2018/2019, a Universidade do Porto ultrapassa todos os recordes de estudantes internacionais que ali estão a realizar um curso completo ou a estudar ao abrigo de programas de mobilidade no Ensino Superior, como o conhecido Erasmus+. Ao todo são mais de 5600 estudantes e investigadores internacionais, vindos de mais de 90 países, número que corresponde já a 18% da comunidade académica da U.Porto.

Numa altura em que os dados ainda não estão totalmente fechados,  sabe-se já que 2526 estudantes de mobilidade chegaram este ano de mais de 70 países para realizar um período de estudos de um semestre ou um ano letivo numa das 14 faculdades da U.Porto. Um inédito inédito e que, em comparação com os últimos cinco anos, equivale a um crescimento de perto de 30% face aos 1750 estudantes que passaram pela Universidade em 2014/2015.

Entre as faculdades que este ano recebem mais estudantes destacam-se Engenharia (552) e Letras (435), seguidas de Economia (245), Psicologia e Ciências da Educação (169), Belas Artes (159), Direito (150), ICBAS (134), Desporto (127), Ciências (124), Medicina (117), Farmácia (104), Ciências da Nutrição e Alimentação (66) e Medicina Dentária (26).

Do total de estudantes de mobilidade, mais de 1000 chegam do Brasil, 239 vêm da vizinha Espanha, 224 de Itália, 119 da Alemanha e 105 da Polónia. A este “Top 5” somam-se países como Macau (onde o crescimento é notório), México, Chile, Colômbia, Rússia, Israel, Egito, Índia, Senegal, Sri Lanka, Austrália, entre muitos outros. Durante este ano letivo, a U.Porto acolhe também 27 estudantes portugueses que optaram por deixar as suas instituições de origem para cumprir um período de estudos, ao abrigo do Programa Almeida Garrett.

Aos estudantes de mobilidade, somam-se ainda os 3.084 estudantes estrangeiros de grau que chegaram, ou já estão na Universidade a realizar um curso completo. Neste caso, Brasil (2259), Itália (103), Moçambique (85) e Cabo Verde (75) são as nacionalidades mais representadas. Já entre as faculdades que mais estudantes acolhem, destacam-se as de Engenharia (706), Letras (560), Ciências (330), Economia (298) e Belas Artes (194).

Os estudantes de mobilidade que chegam no 2.º semestre vão ser recebidos na Reitoria da U.Porto, no próximo dia 22 de fevereiro. (Foto: U.Porto)

Todos estes números serão celebrados no próximo dia 22 de fevereiro, sexta-feira, a partir das 15h00, durante a Sessão de Boas-Vindas aos mais de 1000 estudantes de Mobilidade que chegam à Universidade neste segundo semestre letivo. A sessão decorre na Reitoria da Universidade do Porto, seguindo-se de um lanche convívio no pátio interior do edifício para marcar a chegada à Universidade e à Cidade de acolhimento.