U.Porto une-se ao Norte da Galiza na defesa da biodiversidade

A proteção da flora ameaçada na Galiza e Norte de Portugal é a grande aposta do projeto.

A Universidade do Porto é uma das entidades parceiras do BIODIV-GNP, “Biodiversidade Vegetal Ameaçada  Ameaça da Galiza – Norte de Portugal: conhecer, questionar e implicar”, um projeto europeu que reúne vários organismos do Norte de Portugal e da Galiza no estudo e promoção conjunta da biodiversidade vegetal das duas regiões.

O BIODIV-GNP tem como objetivo apoiar a recolha, inventariação e difusão de informação sobre a distribuição e as principais necessidades de conservação da flora ameaçada do noroeste peninsular. Para isso conta com um investimento de 654,684.57 €, cofinanciado pelo Programa Operativo de Cooperação Transfronteiriça Espanha-Portugal 2007 -2013 através dos fundos FEDER da União Europeia.

Para além da U.Porto, participam no programa a Universidade de Santiago de Compostela a Fundación CEER, a Dirección Xeral de Conservación da Natureza e a Fundaçao Fernão Magalhães para o Desenvolvimento.

As várias entidades parceiras estiveram representadas no Workshop Ibérico “Sistemas de Informação e Proteção e Conservação da Biodiversidade na Eurorregião Galiza-Norte de Portugal” que decorreu a 19 de janeiro, em Ponte de Lima. Ao longo do evento, foram apresentadas as ferramentas, objetivos e primeiros resultados do projeto em áreas como  a monitorização dos habitats e da biodiversidade, gestão de informação sobre espécies; sistemas de informação utilizados no contexto do projeto, entre outras.