A Universidade do Porto terminou 2019 da melhor forma no desporto universitário, com a equipa de Kickboxing a arrecadar três medalhas de ouro e duas de prata, e a equipa de Karting a sagrar-se campeã nacional universitária nos respetivos Campeonatos Nacionais Universitários (CNU’s). A estes títulos juntou-se a conquista do Troféu Universitário de Clubes, entregue na Gala do Desporto Universitário da  Federação Académica do Desporto Universitário (FADU).

Nas últimas competições do ano, os estudantes atletas da U.Porto fizeram então mais uma vez “jus” ao dourado da cor da instituição. No CNU de Kickboxing Light Kick, suburan ao primeiro lugar do pódio para receber a medalha de ouro, os estudantes Hugo Joel Nogueira (-84kg), João Cunha (79kg), Diogo Granja (+94kg). O medalheiro da Universidade ficou completo com as medalhas de prata de Ana Marta Cardoso (-50kg) e de João Grilo de Sousa (-63kg).

A U.Porto voltou a sagrar-se campeã nacional universitária de Karting.

Já esta terça-feira, a U.Porto cruzou a linha de chegada em primeiro lugar, levando o troféu de campeã por equipas no CNU de Karting, pelas mãos dos estudantes Luís Duarte Moreira, João Maria Brandão e Luís Mâncio Côrte-Real. A segunda equipa da U.Porto, constituída por João Abel Machado dos Santos, Fernando Nogueira e Ricardo Fontão, ficou em 11.º lugar.

Mais um ano de domínio

Esta semana fica ainda marcada pela entrega à U.Porto, de mais um – o nono consecutivoTroféu Universitário de Clubes, atribuído pela Federação Académica de Desporto Universitário (FADU).

>O galardão culmina mais um ano marcado pelo domínio da Universidade nas principais provas do desporto universitário nacional. Ao todo foram 187 medalhas – 76 de ouro, 55 de prata e 56 de bronze – e 21 títulos coletivos, conquistados em 50 provas nacionais universitárias durante a época 2018/2019. Já nas provas internacionais, a U.Porto alcançou o título de vice-campeã da Europa de Taekwondo, com Renato Viana, e a medalha de bronze no Europeu de Karaté por Joaquim Mendes.

O troféu foi recebido pelo Diretor do Centro de Desporto da Universidade do Porto (CDUP-UP), Bruno Almeida, durante a 12.ª Gala do Desporto Universitário , que decorreu na passada segunda-feira, no Espaço Vita em Braga. Recorde-se que, a Universidade do Porto é, até ao momento, a única vencedora deste troféu, desde que o mesmo foi estabelecido.

Bruno Almeida, diretor do CDUP-UP, recebeu, pelo nono ano consecutivo, o Troféu Universitário de Clubes. (Foto: FADU=

Nesta 12.ª Gala da FADU, a U.Porto estava ainda nomeada nas categorias de Melhor Equipa do ano (Andebol feminino), e de Melhor Treinador (com Alexandre Monteiro, treinador da equipa de Andebol da U.Porto, que na passada época se sagrou campeã nacional universitária e alcançou o 4.º lugar no Campeonato Europeu Universitário).

Os grandes vencedores da noite foram, contudo, a equipa de futebol feminino da Associação Académica de Coimbra, que venceu ainda nas categorias de Melhor Atleta do ano, Melhor Treinador do Ano e Equipa do Ano. Júlio Ferreira, atleta de taekwondo da Associação Académica da Universidade do Minho (AAUM), ganhou o prémio de atleta masculino do ano.

Ponto alto cerimónia foi também a entrega do prémio de ética no Desporto Universitário à equipa médica que acompanhou a comitiva portuguesa na missão ‘Ganhar Portugal’ da Universíada de Nápoles. Um reconhecimento pelo “espírito de equipa no assegurar do bem-estar, saúde e integridade física e moral dos estudantes-atletas da delegação portuguesa, agentes desportivos e estudantes-atletas de outras delegações”, referiu Carlos Magalhães, professor da U.Porto e membro da comissão médica da FISU.