Universidade vai premiar estudantes que sejam exemplo de cidadania

Prémio vai distinguir os estudantes com projetos que reflitam os valores éticos da U.Porto

Promover a intervenção social dos estudantes da Universidade do Porto e premiar o mérito dos seus projetos extracurriculares em áreas da cidadania são os propósitos fundamentais do novo prémio criado pela U.Porto.

O Prémio de Cidadania Ativa vai premiar os estudantes (ou antigos estudantes que tenham terminado a sua formação no ano anterior ao da atribuição do prémio) por projetos extracurriculares que empreendam, em quatro diferentes vetores de cidadania: a solidariedade; o empreendedorismo; a pedagogia e na promoção do desporto ou ambiente.

Na primeira vertente, o Prémio de Cidadania Ativa será atribuído ao projeto que tenha promovido ativamente o espírito de solidariedade ou humanitário, seja através de projetos associados à U.Porto ou de intervenções a que esta se associe e cujos resultados sejam considerados excelentes.

No campo do empreendedorismo, o regulamento dita que seja distinguido um estudante que, no ano imediatamente anterior à atribuição do prémio, tenha promovido destacadamente o empreendedorismo, a inovação ou a internacionalização da U.Porto.

“Um papel de inequívoco destaque no capítulo do melhoramento das políticas e pedagogias educacionais”, necessariamente inseridas no âmbito da U.Porto, e a promoção da prática desportiva e estilos de vida saudável ou atos de defesa do meio ambiente são os critérios para a atribuição do prémio nos dois últimos vetores.

O Prémio, a ser entregue  durante a sessão solene comemorativa do Dia da Universidade, é composto por um diploma individual e uma menção no suplemento ao diploma e contempla também uma componente monetária, no valor de mil euros.