É na área da investigação que a U.Porto mais se distingue na mais recente edição daquele que é um dos mais antigos e prestigiados rankings internacionais. (Foto: Egidio Santos/U.Porto)

A Universidade do Porto acaba de ser distinguida entre as 301 e as 400 melhores universidades do mundo, na mais recente edição do Academic Ranking of World Universities. Trata-se do mais antigo e de um dos mais prestigiados rankings internacionais do Ensino Superior, elaborado anualmente pela Shanghai Ranking Consultancy.

Presente no ranking pelo nono ano consecutivo, a U.Porto volta a destacar-se naquela que é uma das maiores edições, tendo sido avaliadas 1800 instituições de ensino superior de todos os continentes. Anualmente, o Ranking de Xangai analisa seis critérios, que avaliam a qualidade da educação, a qualidade dos docentes, a produção científica e a produção per capita.

A U.Porto destaca-se, com uma pontuação de 45,1 (superior ao último ano), relativamente ao número de publicações indexadas no Social Sciences Citation Index 2018 do Web of Science. De salientar também a subida na avaliação (de 11,08 para 13,00) do número de citações de artigos científicos.

A nível nacional, a U.orto é acompanhada neste ranking por mais quatro universidades. A Universidade de Lisboa integra o grupo das 151-200 universidades mundiais, logo seguida da U.Porto (301-400), e da universidades do Minho, que se posiciona no grupo das 401-500 melhores instituições do mundo. Seguem-se a Universidade de Coimbra, entre as 501-600 melhores universidades do mundo e a Universidade de Aveiro, no grupo das 601-700.

Pelo 17.º ano consecutivo, a Universidade de Harvard conquista o primeiro lugar do pódio no Ranking de Xangai. Seguem-se as universidades de Stanford (EUA), Cambridge (Reino Unido), Massachusetts Institute of Technology (EUA) e Berkeley (EUA), respetivamente.