Estão abertas até 5 de outubro de 2014, as inscrições para o workshop “À Descoberta das Minhas Raízes Maternas”, promovido pelo Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (Ipatimup).

Os genes constituem o mais perdurável e inestimável bem que é transmitido ao longo das gerações, permitindo a sua continuidade. Como tal, constituem a memória da nossa origem comum enquanto espécie. Esta memória ultrapassa a reconstituição que muitos conseguem fazer da sua história familiar, até 3-4 gerações atrás. Com base no conhecimento científico que se tem vindo a acumular quanto às origens e migrações das populações humanas, é possível efetuar a caracterização genética da ancestralidade. Neste workshop, os participantes vão  partir à descoberta das suas raízes maternas, através da sequenciação completa do seu ADN mitocondrial.

A primeira sessão do workshop está agendada para 7 de outubro (18h00-20h00, Ipatimup) e, tendo como tema principal oo passado das populações, com enfoque na população portuguesa, inclui uma visita ao laboratório e a recolha do material biológico (saliva) para a sequenciação completa do ADN mitocondrial. A entrega e interpretação dos resultados (garante-se total confidencialidade) será feita a 2 de dezembro, durante a segunda sessão do workshop (18h00-20h00).

As inscrições, limitadas a 50 participantes, podem ser feitas aqui. O preço varia entre os 300 euros (inscrição individual: inclui a participação nas duas sessões, o teste genético de sequenciação completa de ADN mitocondrial e o certificado da linhagem materna) e os  320 euros (inscrição coletiva até três indivíduos aparentados pelo lado materno, mas a amostra biológica processada será recolhida apenas a um dos participantes (partindo do pressuposto de que a linhagem materna é partilhada entre eles).

Nota: A inscrição só é considerada válida após pagamento.

Mais informações através do e-mail  [email protected].