Nuno Portas recebe doutoramento Honoris Causa

A condecoração foi proposta pela Escola de Arquitetura da Universidade do Minho.

O arquiteto Nuno Portas, Professor Catedrático Emérito da Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto (FAUP), recebe esta sexta-feira, dia 26 de outubro, o doutoramento honoris causa pela Universidade do Minho. A cerimónia que se realiza pelas 15 horas em Guimarães, terá a participação de várias personalidades nacionais e internacionais, destacando-se Jorge Sampaio, antigo Presidente da República, como padrinho do homenageado.

De acordo com a nota de imprensa enviada pela Universidade do Minho, «a condecoração foi proposta pela Escola de Arquitetura da UMinho (EAUM), que Nuno Portas ajudou a fundar. O reputado arquiteto, professor e urbanista formou também boa parte dos docentes que compõem os quadros da EAUM e participa em diversas atividades extracurriculares para melhorar os projetos desta Escola. Para além disso, tem uma ligação de três décadas à região, nomeadamente como consultor do Município de Guimarães e dos planos de ordenamento do Vale do Ave».

Sobre Nuno Portas

Nuno Rodrigo Martins Portas nasceu em Vila Viçosa em 1934 e é pai de Paulo Portas (atual ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros), Miguel Portas (eurodeputado, já falecido) e Catarina Portas(jornalista, empresária). Recebeu diversas distinções, como o Prémio Abercrombie e a Grande Cruz da Ordem do Infante, foi consultor da ONU e da UE e colaborou em planos territoriais de quatro continentes.

É professor emérito da Universidade do Porto e também doutor honoris causa pelo Politécnico de Milão e pela Universidade de Aveiro. No pós-Abril de 1974 fez parte dos três primeiros governos provisórios como secretário de Estado da Habitação e Urbanismo. Publicou inúmeros livros, artigos e tem-se dedicado à investigação e produção teórica, sendo o presidente da associação EUROPAN.