Manual “anti-crise” vale prémio a estudante da FEP

Hugo Abreu vai agora representar a Ernst &Young Portugal na final internacional do YTPY 2012.

Para se inspirar,  Hugo Abreu “só” teve que recorrer ao mundo real e aos conhecimentos de Economia e Finanças adquiridos na Faculdade de Economia da U.Porto (FEP). Foi daí que nasceu o “manual de emergência” para países em situação de crise económica e financeira que valeu ao estudante do mestrado em Finanças e Fiscalidade da FEP a vitória no concurso “Young Tax Professional of the Year 2012”, uma competição promovida pela Ernst &Young.

“Fiscal Consequences of a Portuguese euro zone exit” é o título do trabalho distinguido. Nele, o autor expõe e analisa os impactos de curto prazo para as receitas fiscais do Estado, bem como para a fiscalidade das empresas não-financeiras a operar em Portugal, decorrentes de uma saída de Portugal da moeda única europeia, quer num cenário de saída unilateral, quer num cenário de colapso generalizado da Zona Euro, tomando também em conta as consequências de uma possível desagregação da União Europeia.

Elaborado durante um dos períodos mais conturbados da crise, que coincidiu com as eleições na Grécia, este estudo explora os contextos político, económico e social que poderiam levar ao abandono da moeda única. A intenção não passa por  discutir as vantagens ou desvantagens de tais cenários, mas, num contexto de grande incerteza, compreender que efeitos fiscais decorreriam desses mesmos cenários.

“É uma espécie de pequeno manual de emergência a utilizar por decisores políticos, responsáveis da administração fiscal e gestores, que sistematiza o que deve ser feito, ou pelo menos considerado, nesses cenários”, sintetiza o estudante.

O prémio atribuído a Hugo Abreu consiste numa viagem a Boston, onde vai representar a Ernst &Young Portugal na final internacional do YTPY 2012, num prémio de 3 mil euros e num estágio na Ernst &Young Portugal. A  cerimónia de entrega dos prémios aconteceu em Lisboa, na sede da Ernst & Young.

  • carlos alberto Gomes

    Parabéns pelo reconhecimento! Indago se é possível ler o texto.