“Universidade Júnior” bate recordes com 6500 participantes

ujunior2016_02

A “Universidade Júnior” oferece atividades para todos os gostos, das ciências ao desporto, passando pelas artes ou as humanidades.

É já na segunda-feira, 27 de junho, que tem início mais uma edição da “Universidade Júnior”, precisamente a edição mais concorrida de todos os 12 anos de existência deste programa da Universidade do Porto que permite aos estudantes do ensino básico e secundário testar as suas vocações e experimentar o Ensino Superior durante as férias de verão.

Um número recorde de 6500 jovens, com idades compreendidas entre os 11 e os 17 anos, vai este ano participar nas 175 atividades e projetos de investigação organizados por centenas de professores, investigadores e estudantes das faculdades e centros de investigação da Universidade do Porto.

Mas naquela que é a sua maior edição de sempre, a “Universidade Júnior” vai estender-se a 15 outras instituições parceiras – entre as quais o Museu do FC Porto, o Museu da Misericórdia do Porto, o Parque Biológico de Gaia, o Visionarium de Santa Maria da Feira ou o Centro de Ciência Viva de Vila do Conde –, que desta forma alargam a iniciativa a toda a região.

ujunior2015_01

O programa está estruturado em torno de três níveis de complexidade das atividades, de acordo com a faixa etária de cada participante.

Na verdade, a “Universidade Júnior” encontra-se já aberta a todo o país, facto comprovado pela circunstância de 1350 dos 6500 participantes terem decidido usufruir do programa de alojamento preparado pela Universidade do Porto no quartel da Escola Prática de Transmissões para os jovens que, pela distância da sua habitação, não podem fazer as deslocações diárias até ao Porto.

Mas a “Universidade Júnior” estende-se cada vez mais além-fronteiras, registando este ano também um número recorde com as 14 nacionalidades diferentes registadas entre os seus 6500 participantes. Esta edição fica ainda marcada pelo primeiro intercâmbio com o programa congénere da Universidade de Santiago de Compostela que permitirá a ida de 5 jovens portugueses a Espanha e a vinda de 5 espanhóis a Portugal.

Há 12 anos que a Universidade do Porto abre as suas salas de aula e laboratórios aos jovens estudantes do 5.º ao 11.º ano de escolaridade, permitindo que durante as férias de verão conheçam por dentro a realidade do ensino superior.

Desde 2005, mais de 50.000 jovens de todo o país e vários continentes passaram já pela “Universidade Júnior”, participando em centenas de atividades e projetos de investigação em áreas tão diversas como as ciências, as tecnologias, as humanidades, as artes ou o desporto.