Universidade do Porto recebe o Porto PianoFest 2019

O edifício Nobre da Reitoria vai receber cinco dos recitais que integram a programação do festival. (Foto: DR)

Arranca já no mês de agosto a quarta edição do Porto PianoFest, um evento que vai reunir na Invicta jovens pianistas e artistas do mais alto nível, vindos de todo o mundo. Este ano, o festival promete levar a vários cantos da cidade recitais, workshops e conferências. O Salão Nobre da Reitoria da Universidade do Porto é um desses palcos.

A estreia do Porto PianoFest 2019 na “casa mãe” da U.Porto está marcada para 2 de agosto, sexta-feira, às 19h30, pelas mãos do pianista espanhol José Ramón Mendez. Um dia depois é a vez de Nuno Marques, o “mentor” do Porto PianoFest, que se apresentará em palco na companhia de Ana Madalena Ribeiro (violino) e Fernando Costa (violoncelo).

No dia 4 de agosto, pelas 17h00, o Salão Nobre da Reitoria recebe Mariel Mayz, pianista e compositora norte-americana e co-fundadora do Porto Pianofest.

Para além destes três recitais, cuja entrada é paga (7,50 euros), a Reitoria vai ainda receber mais duas sessões – a 6 e 7 de agosto – abertas ao público. Neste caso, os protagonistas serão jovens talentos internacionais na área do piano.

O Porto Pianofest  2019 arranca oficialmente a 1 de agosto, na Casa da Música, e passará ainda pelo Conservatório de Música do Porto (8 de agosto) e pelo Palácio da Bolsa, que receberá o concerto de encerramento, a 9 de agosto.

Fundado em 2016, o Porto Pianofest é uma produção conjunta com a Câmara Municipal do Porto,  que nasceu pela mão de  Nuno Marques, pianista português a residir em Nova Iorque. O objetivo passa por fortalecer o hub cultural do Porto, trazendo à cidade artistas de várias partes do globo para performances em vários locais históricos, e, ao mesmo tempo, cultivar o diálogo artístico internacional através da componente educativa.

Mais informações em portopianofest.com.