Universidade do Porto entre as mais prestigiadas do mundo

A qualidade do ensino prestado pelas universidades é um dos critérios de classificação do QS World University Rankings.

A Universidade do Porto é a universidade portuguesa mais bem colocada na edição 2013 do QS World University Rankings, um dos mais prestigiados rankings internacionais de instituições de ensino superior. Ocupando o 343.º lugar entre mais de 800 universidades classificadas, a U.Porto passa também a ser a melhor universidade portuguesa em todos os principais rankings de instituições de ensino superior.

Ranking de referências para as universidade de todo o mundo (a par do Times Higher Education World Universities Ranking e do Shangai Academic Ranking of World Universities), o QS World University Rankings avalia mais de 800 universidades do mundo – uma liga de elite que representa cerca de 2% das universidades mundias – , classificando cada instituição segundo indicadores como a reputação, o número de citações por faculdade, a qualidade de ensino ou a proporção de estudantes internacionais. Para além da U.Porto – que protagoniza uma subida considerável no ranking, depois de ter figurado entre as 401-500 melhores universidades do mundo em 2012 -, o ensino superior português está também representado pela Universidade Nova de Lisboa (353º) e pela Universidade de Coimbra (358º).

O norte-americano Massachussets Institute of Technology (MIT) lidera a edição 2013 deste ranking, sendo seguido pela também norte-americana Universidade de Harvard. O top-5 fica completo com três instituições de ensino do Reino Unido: a Universidade de Cambridge, a University College of London e a Imperial College of London.

Recorde-se que para além da 343.º posição neste ranking, a Universidade do Porto surge entre as 301-400 melhores universidades do mundo no Shangai Academic Ranking of World Universities e no patamar das 350-400  do Times Higher Education World Universities Ranking. Já em maio deste ano, o QS World University Rankings by Subject colocava a U.Porto entre as 200 melhores instituições de ensino superior mundiais em seis áreas de ensino e investigação distintas: Engenharia Química (101-150), Engenharia Civil (101-150), Farmacologia (151-200), Agricultura (151-200), Ciências Marinhas (151-200) e Direito (151-200).