Universidade do Porto de prata nos Friendship Games 2019

Constituída por oito estudantes atletas, a equipa de Basquetebol da U.Porto foi a única representante portuguesa nos Friendship Games 2019. (Foto: DR)

A equipa de Basquetebol feminino da U.Porto alcançou a medalha de prata na edição 2019 dos Friendship Games, um torneio internacional de basquetebol para estudantes universitários que está a decorrer na cidade de Eilat, em Israel.

Com este evento, que já vai na 14.ª edição, pretende-se, através do desporto, contribuir para a coexistência entre diferentes povos e culturas, com o objetivo de criar amizade e compreensão entre os estudantes.

“A multiculturalidade é algo com que se convive todos os dias neste torneio e que nos faz crescer como pessoas. Aprendemos imenso com todos os intervenientes, desde o staff da organização, atletas, dirigentes, e até os próprios funcionários do hotel”, explica Norberto Pinto, treinador da U.Porto.

Apesar de o resultado não ser o mais importante deste torneio, a equipa de Basquetebol feminino da U.Porto, constituída pelas atletas Francisca Meinêdo, Catarina Rolo, Rita Cristóvão, Sofia Almeida, Inês Braga, Francisca César, Gabriela Noivo e Andrea Alfaro, ficou em segundo lugar, ao perder com a equipa ucraniana na final do torneio por 77-54. Até ao jogo decisivo, a U.Porto venceu na fase de grupos a Rússia (41-21), a Jordânia (56-14), e Israel (58-33) e só perdeu com a Ucrânia (35-27).

Sob o slogan “7 days to Experience, a Lifetime to remember“, novas amizades foram formadas, permitindo que os estudantes se conhecessem pessoalmente. “É algo inexplicável o que se sente ao fim desta semana. Deparamo-nos com diferentes realidades da própria modalidade que nos fazem crescer enquanto atletas e treinadores e diferentes culturas, diferentes formas de encarar o dia a dia. O convívio diário com estas diferentes realidades deixam-nos mais ricos, deixam-nos pessoas mais abertas ao mundo que nos rodeia. Tenho a certeza que todas elas levarão para o Porto, a nossa casa, uma imensidão de aprendizagens que nunca irão esquecer”, realça Norberto Pinto.

Esta é a segunda participação da U.Porto nesta competição, tendo a primeira sido em 2016 com a equipa da U.Norte constituída também pela Universidade do Minho e Trás-os-Montes e Alto Douro.