Universidade do Porto abre o ano a cantar a tradição

O NEFUP e a AAOUP vão recriar os cantares tradicionais de Janeiras na Praça Gomes Teixeira, junto à Reitoria da U.Porto.

Como forma de assinalar a despedida da época festiva, a Universidade do Porto promove, ao longo dos próximos dias, uma série de eventos que têm como objetivo manter viva a memória dos cantares tradicionais de Boas Festas.

O primeiro momento acontece ao final da tarde – 18h00 – da próxima sexta-feira, 5 de janeiro, altura em que o Núcleo de Etnografia e Folclore da Universidade do Porto (NEFUP) e a Associação de Antigos Orfeonistas da Universidade do Porto (AAOUP) se vão juntar para Cantar as Janeiras no edifício da Reitoria da U.Porto, num espetáculo aberto a toda a cidade.

Na  véspera do Dia de Reis, e à semelhança do que aconteceu na abertura de 2017 (ver abaixo), dois dos mais antigos grupos musicais da U.Porto dão assim corpo a uma das mais conhecidas tradições da época e talvez a mais divulgada por todo o país. Do espetáculo farão parte cantares e extratos de um auto tradicional de cariz jocoso e refinada crítica social.

Recorde-se que, no Porto, é ainda possível encontrar vários grupos de cantadores, geralmente pertencentes associações ou coletividades da cidade, que enfrentam o frio das noites de dezembro e janeiro para percorrer as ruas e cantar as Boas Festas de porta em porta.

Já no Dia de Reis, a música natalícia muda-se para a Igreja dos Clérigos, palco escolhido para o concerto solidário promovido pela U.Porto, pela Porto Business School e pela Irmandade dos Clérigos do Porto. Em palco, caberá ao Coro Experimental dos Antigos Orfeonistas da U.Porto e ao Coro Leading Voices da Porto Business School liderar um programa “muito variado, com obras de origem nacional e estrangeira, incluindo música sacra/espiritual, popular/tradicional e vários temas de Natal conhecidos”.

Com início marcado para as 21h00, o espetáculo é aberto a toda a comunidade. A totalidade do montante angariado será repartido por duas entidades solidárias: a Associação Vida Norte (http://vidanorte.org/) e o Grupo de Ação Social do Porto (http://www.gasporto.pt/)

A reserva de lugares (que garante entrada prioritária no espetáculo até às 21h00) deve ser feita antecipadamente mediante o pagamento de um donativo. As reservas para adultos e crianças com mais de 12 anos pressupõem um donativo mínimo de 5 euros por pessoa. Crianças até aos 12 anos não estão sujeitas a donativo mínimo (entrada livre). No dia do espetáculo é possível entrar com ou sem reserva a partir das 21h00, estando a entrada limitada à lotação máxima da Igreja dos Clérigos.

Mais informações aqui, ou através do e-mail leadingvoices@pbs.up.pt.