U.Porto integra projeto de promoção à internacionalização do staff

Universidades participantes juntaram-se em janeiro para definir a estratégia de ação do projeto europeu SUCTI.

A Universidade do Porto, em conjunto com instituições de ensino superior em Itália, Alemanha, Polónia, República Checa, Espanha e Holanda, acaba de integrar o projeto europeu Systemic University Change towards Internationalization (SUCTI),  que visa dinamizar um conjunto de iniciativas que promovam as oportunidades de carreira internacional, entre o pessoal não-docente das universidades participantes.

Com a duração de três anos, esta iniciativa integra o programa Erasmus + KA203 Strategic Partnerships e é financiado pela Comissão Europeia e coordenado pela Universitat Rovira i Virgili (URV).

Entre as diferentes iniciativas do projeto destaca-se a criação de cursos de formação para formadores, a realização de seminários abertos, em cada uma das universidades participantes. No final do projeto está prevista a realização de um relatório sobre a internacionalização do pessoal administrativo universitário, bem como uma rede de formadores, no sentido de reforçar a troca de experiências e conhecimento entre as universidades.

Atualmente, a Universidade do Porto conta com mais de 1500 colaboradores não-docentes, distribuídos pelas diferentes unidades orgânicas. No ano letivo 2015/2016, cerca de 30 técnicos participaram em programas de mobilidade, potenciando a troca de experiências e conhecimento sobre o modo de funcionamento das várias universidades europeias.