U.Porto desafia estudantes e alumni a fazer o “UPgrade”

O programa UPgrade realiza-se entre abril e junho e destina-se a atuais e antigos estudantes da U.Porto. (Foto: Egidio Santos/U.Porto)

De acordo com o mais recente relatório “Global Talent Trends 2019”, desenvolvido pelo LinkedIn, mais de 91 por cento dos empregadores tem em conta competências transversais como criatividade, persuasão, colaboração, adaptabilidade e gestão de tempo no processo de recrutamento dos profissionais. Cada vez mais valorizadas no mercado de trabalho, as conhecidas “soft skills” são o ponto de partida para o programa de formações UPgrade, criado para apoiar os  atuais e antigos estudantes da Universidade do Porto a desenvolver algumas destas competências.

Com mais de 40 horas de formação, o UPgrade tem como principal objetivo ajudar os participantes a valorizar e desenvolver as soft skills no contexto profissional. O programa decorre nos meses de abril, maio e junho de 2019 e é composto por dois módulos – UPgrade: Explore Soft Skills e UPgrade: Work Soft Skills – que podem ser frequentados por todos os interessados.

Destinado a estudantes de todos ciclos de estudo e alumni da U.Porto, o UPgrade: Explore Soft Skills é composto por cinco sessões sobre o processo de transição para o mercado de trabalho. Todas as palestras são realizadas em abril e contam com a participação de especialistas e profissionais em áreas como recursos humanos, marketing pessoal, coaching, entre outros. A participação é livre e gratuita, mas sujeita a inscrição.

A sessão inaugural do programa realiza-se a 9 de abril, com a presença de Tiago Forjaz. (Foto: DR)

Composto por 11 sessões práticas e sete horas de coaching e aconselhamento de carreira, o programa UPgrade: Work Soft Skills destina-se a estudantes de grau (pré)finalistas de cursos de Licenciatura, Mestrado ou Mestrado Integrado e recém-diplomados (até 1 ano) da U.Porto que se encontrem desempregados, e que tenham frequentado  o módulo UPGrade Explore Soft Skills (em pelo menos 85 por cento das sessões). Os participantes neste módulo têm oportunidade de trabalhar, de forma mais aprofundada, algumas das soft skills valorizadas pelo mercado de trabalho. As sessões decorrem entre maio e junho e a participação está sujeita a inscrição, que tem um custo de 30 euros.

A sessão de abertura do programa UPgrade realiza-se no dia 9 de abril, às 17h30, na Faculdade de Medicina da U.Porto (FMUP). “Qual é o meu talento?” é o tema da sessão inaugural orientada por Tiago Forjaz, fundador da primeira rede de talento portuguesa The Star Tracker e actual Chief Dream Officer da MighT. O orador convidado é conhecido por, através das histórias e viagens da sua vida, inspirar os mais jovens a descobrir os seus talentos. A entrada é livre.

As inscrições devem ser feitas de forma online e estão abertas até 5 de abril. Todas as condições de acesso, agenda das sessões e outras informações devem ser consultadas no site do programa.

O Programa UPgrade é promovido pela Universidade do Porto, com o apoio da Unidade de Psicologia das Organizações e Recursos Humanos, da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação (FPCEUP) e da Fundação Amadeu Dias.