U.Porto acolhe cerimónia de receção aos bolseiros da Cooperação Portuguesa

Universidade do Porto acolhe segunda edição da cerimónia de receção aos estudantes bolseiros do Camões.

No dia 17 de março, a Reitoria da Universidade do Porto será o palco da cerimónia oficial de receção aos estudantes bolseiros do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua que este ano ingressaram nas universidades portuguesas.

Os perto de 100 estudantes originários de Países Africanos de Língua Portuguesa e Timor Leste que este ano beneficiaram das bolsas do Instituto Camões vão reunir-se nesta sessão que contará com a presença do ministro do Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, e servirá também de apresentação do novo programa de bolsas universitárias do Camões.

O início da cerimónia está agendado para as 17h00 e a abertura da sessão vai estar a cargo de Sebastião Feyo de Azevedo, Reitor da Universidade do Porto. O ministro dos Negócios Estrangeiros encerrará a cerimónia, que também vai contar com a presença de Maria do Carmo Silveira, secretária executiva da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e de Teresa Ribeiro, secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros.

No âmbito da política de cooperação para o desenvolvimento com países parceiros de língua portuguesa, o Estado Português tem vindo a reforçar as bolsas concedidas a estudantes originários desses países, nos graus de licenciatura, mestrado e doutoramento. O novo programa de bolsas universitárias do Camões inclui parcerias com empresas nacionais presentes nos países parceiros da cooperação portuguesa.

Esta será a segunda edição da cerimónia, que, anualmente, reúne os estudantes lusófonos no ensino superior português com bolsas do Camões, IP. Trata-se de um instituto público tutelado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros que tem como uma das missões o ensino e a divulgação da língua e cultura portuguesas no estrangeiro.