Tuna Feminina do Orfeão da U.Porto comemora 25 anos

No ano do seu 25º aniversário a Tuna Feminina do OUP vai lançar um site oficial e realizar diversas tertúlias.

Tuna Feminina do Orfeão Universitário do Porto assinala no próximo dia 10 de junho os seus 25 anos com a interpretação de “O Concerto” no Teatro Rivoli, ponto inaugural de um programa de comemorações que se prolongará até final do ano.

A Tuna Feminina do OUP surgiu em 1988 com o objetivo de constituir um grupo musical feminino no Orfeão Universitário. Sendo a primeira no país, o grupo foi uma inspiração para o surgimento ao longo dos anos de outras tunas femininas.

É esse quarto de século de história que, durante cerca de uma hora e meia, será passado em revista durante o “O Concerto” que terá lugar  no Rivoli. Para tal, a Tuna Feminina vai interpretar um conjunto de temas que marcaram um percurso recheado de concertos nacionais e internacionais, onde se destacam atuações no Brasil, Índia ou China, em representação do Orfeão Universitário do Porto.

Neste espetáculo, a Tuna Feminina do OUP conta ainda com a participação especial da Orquestra de Câmara da Maia, do grupo de música brasileira “Copo de Feijão” e com a Roda de Choro do Porto. Espera-se por isso um espetáculo “surpreendente” onde será possível descobrir “diversas curiosidades acerca da primeira tuna feminina universitária do país: desde a forma como surgiu, desafiando todas as “leis” que consideravam impossível haver uma tuna só de mulheres, passando pela explicação do seu estandarte e até do porquê da Tuna Feminina do OUP atuar com um malmequer no cabelo”, antecipa a organização.

Os bilhetes para “O Concerto” podem ser adquiridos no Rivoli Teatro Municipal ou aqui.

O concerto marca então o arranque de uma série de iniciativas que, ao longo do ano, servirão para lembrar os 25 anos da Tuna Feminina. Entre as ações previstas destaca-se o lançamento de um álbum e uma digressão, a apresentação do site oficial do grupo e a realização de um ciclo de tertúlias. O encerramento das comemorações coincidirá com o primeiro Festival organizado pela Tuna.