Startup do UPTEC recebe 1,9 milhões de euros de investimento

Startup incubada no UPTEC está presente em mais de 150 países.

A JScrambler, startup de cibersegurança incubada no UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto, levantou uma ronda de investimento de 1,9 milhões de euros, liderada pela SONAE IM e com coinvestimento da Portugal Ventures.

Líder mundial em segurança de aplicações em JavaScript, a Jscrambler foi fundada por Rui Ribeiro e Pedro Fortuna, ambos alumni da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP). A startup desenvolveu a única solução sediada no cliente para tornar websites e aplicações resilientes à adulteração maliciosa, engenharia reversa e roubo de propriedade intelectual.

Este investimento vai permitir que a Jscrambler avance para a expansão do negócio a nível internacional e desenvolvimento do portefólio de produtos da empresa. Atualmente, a startup conta como clientes gigantes de Silicon Valley, que atuam em setores como o streaming, comércio online e videojogos, e também com empresas que integram a lista Fortune 500 nos setores da banca e saúde.

Rui Ribeiro, CEO e cofundador da Jscrambler, afirmou que “este investimento vai permitir acelerar a expansão no mercado europeu e americano e ajudar cada vez mais empresas a prevenir e combater ataques que estão a crescer em frequência e complexidade, mas que são detetados tarde demais, com consequências graves tanto ao nível financeiro como da reputação das organizações”, divulgou a empresa em comunicado.

Com uma carteira de clientes de mais de 30 mil empresas e indivíduos, a startup incubada no UPTEC está presente em mais de 150 países, faturando mais de 50% do volume de negócios para os Estados Unidos da América.