Startup da UPTEC lança documentário sobre fotógrafo de Siza Vieira

O filme vai estrear em junho, em Lisboa,  durante o Arquitecturas Film Festival. (Foto: DR)

Estreia, este ano, um filme único e o primeiro sobre Fernando Guerra, um dos melhores fotógrafos de arquitetura do mundo. Durante um ano, o “fotógrafo voador” foi acompanhado num documentário que pretende mostrar o processo criativo, mas também o lado mais pessoal do fotógrafo. O trailer do documentário criado pela Building Pictures, startup graduada da UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da U.Porto, já está disponível.

Fernando Guerra destaca-se pela inovação que trouxe à fotografia de arquitetura: introduziu as pessoas, objetos e animais nos seus trabalhos e foi um dos primeiros a utilizar a fotografia digital. O fotógrafo português foi ainda o primeiro a utilizar drones (fotografia aérea) neste tipo de trabalhos, em 2004.

Sara Nunes, realizadora de filmes de arquitetura e fundadora da Building Pictures, começou a acompanhar o dia-a-dia do fotógrafo há mais de um ano. “O Fernando tem procurado estar longe das câmaras das entrevistas, por isso esta é uma oportunidade única de conhecer as histórias, paixões, o olhar e embarcar no processo criativo dele. O meu principal objetivo é que este filme chegue à Netflix.”, acrescenta.

Sara Nunes começou por acompanhar o trabalho do fotógrafo no Brasil e no Dubai e registar as entrevistas dos premiados arquitetos brasileiros Isay Weinfeld, Arthur Casas, Márcio Kogan e dos arquitetos dos Emirados Árabes Unidos X-Architects. A Siza Vieira, foi buscar a inspiração para o título do documentário na dedicatória que este fez a Fernando Guerra, aquando do Prémio Valmor.

É através da lente deste fotógrafo que o mundo conhece a grande maioria das obras da arquitetura portuguesa, nomeadamente de Siza Vieira com quem trabalha há 19 anos. Por esse motivo, Sara Nunes quer explorar vários países. “O próximo objetivo é encontrar patrocínio para a viagem à Ásia. É lá que Siza, juntamente com Carlos Castanheira, mais obras constrói neste momento e onde, até agora, apenas as conhecemos através das lentes do fotógrafo.”, refere a promotora do projeto.

O documentário acompanha ainda Fernando em Portugal, focando-se na sua paixão pelas máquinas fotográficas, pelos automóveis e no seu hobby favorito: desenhar peças para a FG Edition, uma linha de acessórios pensada para quem gosta de fotografia.

Até agora, a Building Pictures contou com o patrocínio d’ O Feliz e da Panoramah!. Tem, também, a parceria estratégica da Casa da Arquitectura, que fará a estreia do documentário na Cidade Invicta, e de outras instituições como a Canon, a Trienal de Lisboa, a Ordem dos Arquitectos, a Archdaily, a FAUP e a FAUL.

O filme tem estreia marcada para o próximo mês de junho, durante o Arquitecturas Film Festival, a decorrer no Cinema São Jorge, em Lisboa.