Retratos do Norte de Portugal e Galiza em exposição na Galeria dos Leões

“Marxes” é uma mostra de retratos fotográficos espontâneos da autoria de José Manuel Soares.

De 6 a 30 de setembro, a Galeria dos Leões (Reitoria da U.Porto) será o próximo ponto de paragem da exposição fotográfica “Marxes”, uma coleção de retratos da autoria de José Manuel Soares que está em itinerância pela Galiza e Norte de Portugal pela mão da Fundação CEER.

O título “Marxes” (Margens em Galego) representa precisamente a ponte entre as duas regiões – ou as duas margens do Rio Minho – que é estabelecida pelos retratos fotográficos de estudantes, professores e funcionários escolares das duas regiões que compõem esta exposição.

Como refere o próprio José Manuel Soares, este projeto “começou como um exercício académico onde o retrato, despojado de artificialismos técnicos, servisse para analisar a questão “Imagem fotográfica: autoria do fotógrafo ou do fotografado?”.

Esta premissa traduziu-se em sessões fotográficas sem cenário, onde os retratados não tiveram qualquer indicação ou interferência para pose ou expressão. “«Põe-te como quiseres» foi a única sugestão para desbloquear alguma inibição perante o aparato do estúdio”, explica José Manuel Soares.

A primeira experiência realizada no estúdio do próprio autor em Valongo foi depois replicada na Galiza, mais precisamente na Universidade de Santiago de Compostela. E é a justaposição entre expressões e atitudes entre os povos das duas “margens” do Minho que demonstra esta exposição com inauguração marcada para as 18 horas do dia 6 de setembro.