QS confirma FEUP no top mundial de engenharia e tecnologia

Ranking confirma posição de liderança da U.Porto no panorama do ensino superior em Portugal.

Foi recentemente publicado o “QS World University Rankings by Subject”, um dos rankings internacionais mais importantes e que acaba de colocar a Universidade do Porto (U.Porto) entre as 200 melhores escolas a nível mundial. Regista-se uma evolução face ao ano anterior, nas sete áreas de ensino analisadas, onde se destaca a área de engenharia. Com efeito, a Faculdade de Engenharia da U.Porto (FEUP) consta do top 200 nas áreas de engenharia civil e de engenharia química (classificadas entre a 101.ª e a 150.ª posição a nível mundial). Outra novidade: pela primeira vez, engenharia eletrotécnica entra diretamente nos 200 melhores lugares do ranking.

De salientar o facto de não existir nenhuma universidade portuguesa classificada no top  200 do conjunto destas áreas, o que coloca a FEUP numa posição de liderança no panorama do ensino superior em Portugal. Em relação aos rankings ibero-americanos, o 6.º lugar da Universidade do Porto na área de engenharia e tecnologia vem assim comprovar a excelência do ensino da instituição.

Já em setembro do ano passado, a U. Porto surgiu como a universidade portuguesa mais bem colocada no “QS World University Rankings”, ocupando o 343.º lugar entre mais de 800 universidades mundiais classificadas.

Numa avaliação internacional a 30 diferentes áreas de ensino, que se guia por indicadores de qualidade como reputação académica, reputação entre empregadores e produção científica, o ranking QS considera atualmente mais de 2000 universidades, avaliando mais de 800. Este ranking classifica as instituições de ensino superior globalmente por áreas (Artes & Humanidades, Engenharia & Tecnologia, Ciências da Vida & Medicina, Ciências Naturais e Ciências Sociais).

Os resultados completos estão disponíveis em www.topuniversities.com

  • Antonio

    é completamente falsa e até estranha (…) a informação de que não existe outra Universidade portuguesa no top 200 nessas áreas. Basta por exemplo ver engenharia civil na Universidade de Coimbra, que inclusivamente subiu no ranking e encontra-se ao nivel da UP

  • PGG

    Basta ler melhor: “de salientar o facto de não existir nenhuma universidade portuguesa classificada no top 200 do *conjunto* destas áreas”.