Projeto de estudantes da U.Porto concorre no Orçamento Participativo Jovem

Promover a biodiversidade urbana é um dos principais objetivos do projeto da Associação de Voluntariado Universitário.

Sensibilizar para a diminuição da pegada ecológica, desenvolver iniciativas a favor da sustentabilidade na área do Grande Porto e promover a biodiversidade urbana são os principais objetivos do projeto GreenSCope que a VO.U – Associação de Voluntariado Universitário tem neste momento em concurso para financiamento através do Orçamento Participativo Jovem 2017 promovido pelo Governo português.

Criada no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto (ICBAS), a VO.U é uma instituição sem fins lucrativos, constituída primariamente por estudantes do Ensino Superior que “atuam numa via multidisciplinar: desde os idosos às crianças; dos animais ao seu habitat natural; da dança à saúde pública”.

São os próprios jovens que vão definir quais os projetos a financiar por este instrumento governamental. Até 22 de dezembro, os cidadãos nacionais com idades entre os 14 e os 30 anos podem votar no seu projeto preferido por duas vias: enviando uma SMS gratuita para 4310 com o número do projeto, espaço, número do respetivo cartão de cidadão ou através do site do Orçamento Participativo Jovem.

O projeto GreenSCope – Sustentabilidade na Cidade do Porto (projeto número 160), com um orçamento proposto de 20 mil euros, pretende apelar ao crescimento de uma comunidade mais consciente do impacto que o estilo de vida tem na preservação do ambiente, apresentando alternativas mais sustentáveis para os indivíduos e para a cidade.

Os principais agentes dessa sensibilização e atuação serão voluntários universitários das várias unidades orgânicas da Universidade do Porto que, acompanhados pelas entidades parceiras, irão atuar numa primeira instância sobretudo na U.Porto, mas procurando sempre estabelecer uma crescente proximidade com a população e espaços da área metropolitana do Porto.