Professor da FEUP recebe Prémio de Excelência na Educação

F. Xavier Malcata está ligado a vários organismos de decisão a nível mundialnos campos da ciência e tecnologia alimentares.

F. Xavier Malcata, professor catedrático da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), tornou-se recentemente o primeiro português a ser distinguido com o prestigiado William V. Cruess Award for Excellence in Teaching, atribuído pelo “Institute of Food Technologists (IFT), a maior organização técnico-científica a nível mundial na área de ciência e tecnologia alimentar (sedeada nos EUA).

O“domínio de tópicos em engenharia de processo”, a “capacidade de comunicação eficaz dos princípios e práticas de processamento alimentar” e o “entusiasmo único pela área de engenharia alimentar enquanto profissão” foram algumas das razões invocadas pelos promotores od galardão na hora de distinguir o docente da U.Porto. Acresce ainda ” e a sua habilidade para aconselhar e orientar os alunos nos sentido de uma carreira em ciência e tecnologia alimentar”.

O percurso de F. Xavier Malcata na área de engenharia alimentar vem de longa data, e inclui o desempenho de papéis decisivos na interface com o setor empresarial e na gestão académica. De entre as abordagens pioneiras em ciência e tecnologia alimentar que protagonizou, destacam-se o desenvolvimento de ingredientes nutracêuticos e alimentos funcionais (que contribuem ativamente para a saúde), o projeto e otimização de reatores enzimáticos para processamento de óleos alimentares, a caracterização de protéases vegetais no fabrico de queijo e requeijão, a produção de culturas microbianas de arranque e afinagem para queijos, e a aplicação otimizada de operações unitárias a diversos processos alimentares.

Com uma vasta carreira de investigação, F. Xavier Malcata foi ainda responsável por mais de 400 artigos publicados em revistas internacionais sujeitas a processo de revisão pelos pares, mais de 45 capítulos em livros, e 15 livros editados ou co-editados.

No invejável palmarés internacional do docente, inclui-se o Elmer Marth Educator Award em 2011 pela International Association for Food Protection (IAFP, EUA) e o Distinguished Service Award pela American Dairy Science Association (ADSA, EUA) em 2012, bem como a recente eleição para Fellow do IFT, da ADSA, da American Oil Chemists’ Society e da International Academy of Food Science and Technology.

Sobre o Institute of Food Technologists

IFT é o maior fórum mundial de dinamização e partilha de conhecimentos relacionados com tecnologia alimentar. Agrega representantes de mais de 100 países, unidos pelo objetivo comum de reunir informação que possa ser trabalhada por grupos de cientistas e investigadores do ramo alimentar, em busca de soluções inovadoras e suscetíveis de contribuir para melhorar o bem estar do consumidor, a par da segurança, atratibilidade e conveniência dos alimentos. Com 75 anos de história, o IFT tem por missão promover a educação científica e técnica na área alimentar, e assim influenciar as políticas públicas neste sector um pouco por todo o mundo.