Porto é Capital Jovem da Segurança Rodoviária 2017

A Universidade do Porto é um dos parceiros do “Porto Capital Jovem da Segurança Rodoviária”, que ao longo do ano tem previstas iniciativas que promovam a educação de cidadania dos jovens estudantes.

A cidade do Porto acaba de ser anunciada “Capital Jovem da Segurança Rodoviária” para o ano de 2017. A iniciativa foi assinalada numa sessão de apresentação no Salão Nobre da Reitoria da Universidade do Porto. O projeto – que conta já com cinco edições – integra um programa de ações para a educação e prevenção rodoviária destinadas, este ano, aos jovens da Área Metropolitana do Porto  (AMP).

Ao longo do ano de 2017, estão previstas diferentes ações, entre sessões de sensibilização, testes e simulacros, passatempos, aulas de condução, demonstrações de socorrismo. O objetivo é  desenvolver competências de cidadania, especialmente nos jovens, dado ser a faixa-etária em que se verificam o maior número de sinistralidades.

“É vital para o nosso desenvolvimento esta capacidade de intervir e promover a melhoria comportamental. Há uma necessidade de promover a autodisciplina, melhorar a nossa organização, promover o respeito pelo próximo. Tudo isso passa por esta grande questão da segurança rodoviária. É aqui que entendemos a importância da Terceira Missão da Universidade, isto é, a missão de se projetar e ajudar os jovens e a sociedade a tornarem-se melhores”, salientou Sebastião Feyo de Azevedo, Reitor da Universidade do Porto, na cerimónia de lançamento da iniciativa “Porto Capital Jovem da Segurança Rodoviária”.

“Porto Capital Jovem da Segurança Rodoviária” é uma iniciativa conjunta da Forum Estudante, ACP – Automóvel Club de Portugal, BP-Portugal, Brisa, Câmaras Municipais do Porto, Gaia, Maia, Matosinhos e Póvoa de Varzim, Universidade do Porto, Politécnico do Porto, Universidade Católica do Porto e Universidade Portucalense.