Poesia de Sophia de Mello Breyner na Casa Andresen

As palavras de Sophia de Mello Breyner Andresen vão voltar a ouvir-se no Jardim Botânico do Porto.

Palco de boa parte da  infância da poetisa no início dos anos 20 do século XX, a Casa Andresen prepara-se para, quase um século depois, voltar a abrir as suas portas à memória e às palavras de Sophia de Mello Breyner Andresen. É já no próximo sábado, dia 27 de julho, às 18h30, que  o grupo Asas de Poesia realiza ali a sua primeira sessão poética, integralmente dedicada ao trabalho literário de Sophia.

A sessão (ver cartaz) contará com a presença de Aurora Gaia, Bragança dos Santos, Cristina Pessoa, Francisco Ferreira e Libânia Madureira, com musica e canto de Carlos Andrade.

A sessão é aberta ao público. A entrada é gratuita, ainda que sujeita a uma inscrição prévia através do e-mail asantos@reit.up.pt.

A Casa Andresen está inserida no Jardim Botânico, rua do Campo Alegre, nº 1191. É lá que está também a decorrer a exposição “Invasão da Casa Andresen / Animais de Museu”.