Paixão e qualidade marcam Startup Pitch Day do UPTEC

Auditório da Faculdade de Direito da U.Porto (FDUP) recebeu o ponto alto do Programa de Aceleração de Empresas do UPTEC.

A primeira edição do Startup Pitch Day, promovido pelo Parque de Ciência e Tecnologia da U.Porto (UPTEC), encheu o Auditório da Faculdade de Direito da Universidade do Porto (FDUP) para dar a conhecer os 22 novos projetos empresariais do UPTEC.

Este evento celebrou o fim de seis meses de formação e mentoring da primeira edição do Programa de Aceleração de Empresas do UPTEC, destacando-se pela qualidade dos projetos apresentados. Os pitch foram avaliados por um júri composto por elementos do meio empresarial (MicrosoftGoogleVodafoneEFACEC, PT InovaçãoAgência Lusa) e académico, como da FEUP e FLUP.

O pitch vencedor foi o da mQueue, um projeto que pretende revolucionar a noção de filas de espera através de uma aplicação que permite ao utilizador seguir a fila de espera para determinado serviço, em tempo real; retirar uma senha para esse mesmo serviço ou, até mesmo, proceder à marcação da hora a que pretende ser atendido, a partir de um smartphone com ligação à internet.

Para além da mQueue, apresentaram-se ao mundo, na categoria Web/ Mobile Startups, os projetos PICK, uma plataforma dedicada ao desporto; Headblendr, marketplace para aconselhamento musical; Skilleo, plataforma para a procura e oferta de talento e competências; Dreamo, um site que oferece ferramentas de apoio à gestão de projetos e estruturas; Quest Trip, roteiros e guias interactivos; BrandmeUp, ferramenta de apoio à gestão de reputação e portfolio individual e colectivo; NetPeças, mercado online de peças automóveis; e Zizabi, uma ferramenta para a procura da casa de sonho no local perfeito e ao melhor preço.

Já na sessão de Product Startups, apresentaram WiseNetworks, sistemas de monitorização remota; Sphere Ultrafast Photonics, desenho e fabrico de tecnologia laser ultrarrápida; MICE, engenharia de materiais termoendurecíveis e compósitos; OrthoSis, ferramentas de última geração para doenças ortopédicas e neurológicas; Onda Wetsuits, equipamento desportivo de protecção térmica;e HealthyRoad, sistemas de transporte inteligente para prevenção rodoviária.

Finalmente, na categoria Creative Startups, marcaram presença os projectos Building Pictures, vídeos de arquitectura para comunicação e promoção de projectos e construções; a Verd&Agua, design de produtos para home gardeningO Gordo, argumento, storytelling e conteúdos originais multiplataforma; Malaparte, editora independente de livros de Arquitetura; MILF Skateboard Tailors, a nova marca portuguesa de skates de cruising; e a Porto Paralelo, que alia o design e o marketing na revitalização do comércio tradicional do Porto.

Entre as várias sessões, realizaram-se painéis de discussão sobre as diferentes categorias, onde os convidados partilharam as suas experiências durante o seu percurso profissional e aconselharam os projetos que iniciam agora o caminho no mundo empresarial.