«Pai» das baterias de lítio dá palestra na FEUP

O norte-americano John Goodenough, considerado o pai das baterias de ião de lítio tradicionais, vai estar no próximo dia 3 de abril, às 10h30, na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), para participar em mais uma edição do Ciclo de Palestras “A Voz da Indústria”, promovido pela Comissão de Ligação à Indústria da FEUP.

Naquela que será a sua primeira visita ao Porto, Goodenough contará com a companhia de Helena Braga, investigadora da FEUP cujo trabalho científico tem despertado particular interesse não só no meio académico mas sobretudo ao nível da indústria . Isto porque está a desenvolver uma bateria sólida, – menos poluente, mais leve e capaz de multiplicar a capacidade das tradicionais baterias de ião de lítio – que pode revolucionar a forma como armazenamos energia.

A investigação de Helena Braga – já alvo de várias patentes –  começou há 10 anos na FEUP. A importância do tema e sobretudo os avanços que a investigadora alcançou e que podem vir a revolucionar todo o setor energético chamaram a atenção de John Goodenough, que a convidou a trabalhar na Universidade do Texas, nos EUA, juntamente com a sua equipa.

Condecorado com a Medalha Nacional da Ciência pelo presidente Barack Obama, John Goodenough, de 95 anos, volta até a estar na lista dos potenciais candidatos ao Nobel da Química. Compreende-se: se pensarmos que praticamente tudo o que faz parte do nosso dia a dia funciona com base em baterias recarregáveis (de iões de lítio), quer seja nos telemóveis, computadores portáteis, tablets e dispositivos eletrónicos, sistema GPS, carros elétricos e por aí fora. John Goodenough admite assim a possibilidade de criar uma bateria que além de tudo o resto consegue aumentar a capacidade de armazenamento e, ao mesmo tempo, reduzir o preço. E desta forma contribuir  de forma decisiva para a revolução de todo o setor energético.

A entrada é livre, nas sujeita a inscrição prévia.

Sobre o Ciclo de Conferências “A Voz da Indústria”

É um ciclo de conferências que pretende promover o debate e a discussão sobre temáticas emergentes e com interesse a todos os que trabalham no sector industrial nacional.  “A Voz da Indústria” – assim se denomina o ciclo de conferências – tem realizado sessões de forma regular e tem por objetivo principal aproximar o mundo académico dos industriais e dos decisores económicos, profissionais de extrema importância no impulsionar da economia nacional.

Este Ciclo de Conferências é uma iniciativa da Comissão de Ligação à Indústria da FEUP, organismo que pretende promover ativamente a cooperação com os parceiros industriais e ser o ponto de contacto facilitador do acesso e transferência de conhecimento para a esfera empresarial.