O inconsciente “visto” por Freud, Jung e Lacan em novo livro da U.Porto

Conceções de Freud, Jung e Lacan sobre o inconsciente psíquico permanecem centrais para a compreensão da mente humana.

As conceções de Freud, Jung e Lacan sobre o inconsciente psíquico permanecem centrais para a compreensão da mente humana, seja numa perspetiva de aproximação das abordagens atuais, seja como ponto de partida para visões inovadoras. Partindo deste entendimento, Luís M. Augusto escreveu o livro “Freud, Jung, Lacan: sobre o inconsciente”, no qual analisa os modelos do inconsciente propostos pelos três teóricos da psicanálise, estabelecendo ligações entre eles e enquadrando-os na história do pensamento sobre a mente inconsciente. O livro, com chancela da U.Porto Editorial, vai ser apresentado no próximo dia 13 de fevereiro, pelas 18h00, na Fnac de Santa Catarina, no Porto.

A obra divide-se em três grandes capítulos dedicados ao aspeto principal de cada uma das teorias. No caso de Freud, é abordada a sua teoria do inconsciente de um ponto de vista genético e do desenvolvimento das duas tópicas entendidas como uma teoria única.

Já o capítulo dedicado a Jung debruça-se sobre o inconsciente coletivo, enquanto que, em relação a Lacan, é analisada a sua complexa teoria do inconsciente estruturado como uma linguagem.

A sessão de apresentação é aberta à comunidade. A entrada é livre.

Sobre o autor

Luís M. Augusto obteve o grau de Doutor pela Universidade de Paris IV – Sorbonne. É Investigador em cognição humana e artificial e desenvolveu um projeto de pós-doutoramento no Instituto de Filosofia da Universidade do Porto dedicado à cognição inconsciente.

  • andre

    como compro à distância o livro “Freud, Jung, Lacan: sobre o inconsciente” de Luís M. Augusto ?