Novos dados sobre consumo de sal e hipertensão em Portugal discutidos na FNAC

Portugal é dos países europeus com maior relação entre a mortalidade por AVC e a ingestão média diária de sal. (Foto:DR)

Este sábado, dia 25 de maio, a FNAC de Santa Catarina vai ser palco de mais uma sessão do Ciclo de Conversas “Como prevenir as doenças crónicas do século XXI?”, promovido pelo Departamento de Bioquímica da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP). “Consumo de sal e hipertensão em Portugal: Um casamento antigo com dados novos?” será o tema da sessão que tem início às 17 horas.

Portugal encontra-se no topo da tabela dos países europeus em que é maior a relação entre a mortalidade por acidente vascular cerebral e a ingestão média diária de sal. Nesta sessão vão ser discutidos os dados mais recentes sobre o consumo de sal em Portugal e de que forma uma dieta saudável pode contribuir para a prevenção deste tipo de patologias.

A sessão contará com a participação de Jorge Polónia, ex-presidente da Sociedade Portuguesa de Hipertensão (SPH), coordenador do Estudo Nacional da SPH e docente da FMUP, Mesquita Barros, presidente eleito da SPH, e Flora Correia, nutricionista no Hospital de São João e docente da Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da U.Porto (FCNAUP).

A entrada é livre.