Município de Braga colabora com a U.Porto no programa “Acredita-te”

ProtocoloBraga02

O protocolo foi firmado pelo presidente da autarquia de Braga, Ricardo Rio, e o reitor da U.Porto, Sebastião Feyo de Azevedo.

A Câmara Municipal de Braga e a Universidade do Porto celebraram um protocolo de colaboração no âmbito do programa “Acredita-te” , que dará aos estudantes da U.Porto a oportunidade de se integrarem nos serviços da autarquia, beneficiando assim de experiência em contexto laboral de forma a fortalecer as competências necessárias para o exercício da sua atividade profissional.

Criado pelo Gabinete de Apoio ao Estudante e Empregabilidade da Universidade do Porto, o programa “Acredita-te” oferece aos estudantes a possibilidade de acompanharem um profissional (mentor) no seu dia-a-dia de trabalho, fomentando assim a aproximação entre o universo empresarial e o mundo académico.

Com a assinatura deste protocolo, a Câmara Municipal de Braga compromete-se a apoiar o programa “Acredita-te” da Universidade do Porto, acolhendo estudantes de forma a terem uma perspectiva real do mundo do trabalho. Por outro lado, esta será uma oportunidade para o município de Braga identificar quadros qualificados que desempenhem funções no universo municipal, para participarem em formações desenvolvidas pela Universidade do Porto.

“Esta é uma forma de dar a conhecer aos estudantes a realidade do mercado de trabalho e de aprofundar a relação com as Universidades, trazendo para o universo municipal o conhecimento que nelas é produzido”, referiu Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga na cerimónia de assinatura do protocolo, acrescentando que este projeto será uma “mais-valia para os quadros do Município, pois permite uma aposta contínua na formação e no seu desenvolvimento pessoal e profissional”.

Por seu turno, o reitor da Universidade do Porto, Sebastião Feyo de Azevedo, destacou que «o programa Acredita-te é um dos mais recentes esforços de um longa lista de iniciativas que a Universidade do Porto tem vindo a realizar no sentido de promover ativamente a empregabilidade dos nossos estudantes e é para nós um privilégio poder contar com um parceiro como a Câmara Municipal de Braga. Estou certo que os estudantes que tiverem o privilégio de conhecer por dentro a autarquia e emprestar ao município o conhecimento adquirido na universidade sairão deste programa melhor preparados e mais aptos para o mercado de trabalho».