Miguel Miranda e José Pinto da Costa discutem literatura policial na FEUP

dgsrgrdgdrghtrygrth

“Crime: Vida e Ficção” é o título desta edição do Clube de Leitura, apoiada pela Porto Editora

Com o aproximar do final do ano letivo, a Biblioteca da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) preparou mais uma edição do Clube de Leitura com muitas sugestões de leitura a pensar nos dias de verão. A literatura policial é o tema da próxima sessão, agendada para quinta-feira, dia 10 de julho, às 12h45, no relvado central da FEUP.

Para inspirar a escolha de obras neste género empolgante e envolto em mistério, estarão à conversa dois nomes inconfundíveis para este tipo de assuntos: o escritor Miguel Miranda, para apresentar a sua obra e explicar a forma como é construída toda a trama de um policial na mente do autor; e o especialista em Medicina Legal José Pinto da Costa, para partilhar algum do seu conhecimento e experiência relativamente à constituição de prova em contexto da investigação forense. Intitulada “Crime: Vida e Ficção” e com o apoio da Porto Editora, a sessão será moderada por Conceição Alvim, docente aposentada do Departamento de Engenharia Química (DEQ).

A entrada é livre.

Mais informações no site o Clube de Leitura ou através do e-mail agora@fe.up.pt.

Sobre Miguel Miranda
Miguel Miranda nasceu no Porto, em 1956. Licenciou-se em Medicina em 1979, pela Faculdade de Medicina da U.Porto (FMUP), especializando-se em Medicina Familiar. É chefe de Serviço de Medicina Geral e Familiar, exercendo o cargo de Coordenador de uma Unidade de Saúde Familiar. Enquanto escritor, a sua obra percorre vários géneros literários: literatura policial, romance, conto e literatura infanto-juvenil. Obteve diversos prémios, entre os quais o Prémio Caminho de Literatura Policial (1997) com ” O Estranho Caso do Cadáver Sorridente”. É membro da Associação Portuguesa de Escritores, e integra a Associação de Jornalistas e Homens de Letras do Porto e o Pen Clube Português. Em 2014 passou a integrar a direção da Associação Portuguesa de Escritores.

Sobre José Pinto da Costa
José Pinto da Costa é natural do Porto, onde nasceu em 1934. Começou por licenciar-se em Medicina e Cirurgia, ingressando em 1960 no quadro do Instituto de Medicina Legal do Porto. Foi assistente de medicina legal e toxicologia forense na Faculdade de Medicina até 1974 e nessa altura, na sequência do seu doutoramento com a classificação máxima de distinção e louvor, foi convidado para Professor Auxiliar. Atualmente,  é Professor Catedrático Jubilado no Instituto de Ciências Biomédicas de Abel Salazar da Universidade do Porto, consultor do Mestrado de Medicina Legal da U.Porto e Professor Catedrático de Psicologia Forense da Universidade Lusíada do Porto. Leciona ainda Medicina Legal na Licenciatura em Direito da Universidade Portucalense Infante D. Henrique, sendo o responsável pela cadeira de Psicopatologia Criminal do mestrado em Psicologia Legal do Instituto Superior de Psicologia Aplicada de Lisboa.