“Mar de Plástico” no Sea Life alerta para problema da poluição marinha

Um dos espaços da exposição convida as crianças a observar microplásticos através de lupas.

O Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental da U.Porto (CIIMAR) levou a exposição itinerante “Mar de Plástico” até ao aquário portuense Sea Life. Esta exposição, que vai estar aberta até ao final do mês de maio, pretende provocar uma reflexão, tanto em crianças como em adultos, sobre as graves implicações do lixo plástico para os ecossistemas marinhos e sobre as mudanças que é preciso implementar no dia-a-dia.

Inaugurada no passado dia 11 de abril, a exposição convida os visitantes a atravessar um autêntico “mar de plástico”, ou seja, um corredor cheio de detritos de plástico, para depois percorrerem um “supermercado de plástico” preenchido de objetos recolhidos em limpezas de praias, bem como uma zona lúdica, mais indicada para as crianças, onde os mais novos poderão descobrir o que são os microplásticos, através da lente de uma lupa.

Esta já não é a primeira vez que o CIIMAR promove este tipo de ações. A exposição “Mar de Plástico” já passou pelo Dia Aberto do CIIMAR e do Porto de Leixões, em setembro passado, bem como pelo Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental (CMIA) de Vila do Conde. Integrada na mesma campanha, a exposição “Um Oceano de Plástico” passou pela Baixa do Porto e também pelo CMIA de Matosinhos.

A exposição “Mar de Plástico” é organizada pela Campanha Ocean Action, que em 2016 venceu um dos Green Project Awards, na categoria Iniciativa de Mobilização.